Jump to content

Compre o Delphi
Com até 30% de desconto
e parcelado em até 12x sem juros

Saiba Mais

Balança SM100 performance surpreendente

Tecnologia Japonesa   Teclado e Visor resistentes a água
Consumo inteligente de etiquetas   Baixo custo de manutenção
Comunicação Ethernet e WIFI independentes

Saiba mais

Impressora de Etiquetas ELGIN - L42 PRO

Protocolos PPLA, PPLB, ZPL, EPL (automático)
Porta USB padrão Opcionais: Ethernet, Serial, Paralela
Sensor de Etiquetas Móvel Garantia de 18 meses

Saiba mais

Recommended Posts

Amigos,

Desde já peço desculpas pelo tópico pois o projeto ACBr têm sido um sucesso inegável já há vários anos e é inquestionável a sua ajuda para quem trabalha com documentos fiscais eletrônicos.

Porém, estou abrindo este tópico para uma discussão séria sobre a questão de download de documentos fiscais, rotina esta que considero que o ACBr não está ok conforme exponho a seguir.

Já testei de tudo, fiz de tudo que é forma, li tudo que encontrei aqui no fórum sobre o assunto mas a grande verdade é que o funcionamento desta rotina no ACBr é, no mínimo, inconstante, nunca se sabe o que vai acontecer e que resultado será obtido.

Já testei pelo NSU com o controle do número, levando em conta os resumos, levando em conta a sequência, enfim.

Já testei pela chave de tudo que foi jeito.

Sim, eu sei que tem que fazer a manifestação do destinatário e sim eu sei que nem sempre a receita libera na hora e sim eu sei que os schemas de download da NFe e do CTe são diferentes.

Mas na verdade há notas que baixam, há clientes que baixam todas, há clientes que baixam nenhuma, outros parcialmente, enfim, o sonho de todos é simplesmente escanear o código de barras da nota e afinal de contas importar ela no sistema.

Pra tudo há um jeito, como se diz aqui no Sul: não tá morto quem peleia ! Então encontrei o software gratuito fiscal.io, ele fica na bandeja do sistema e conforme configurado faz uma pesquisa na sefaz a cada 1, 2, 3 ou 6 horas e bingo !

Ele encontra os documentos e faz a manifestação e download de forma automática, e funciona ! tanto NFe quanto CTe. Talvez em um primeiro momento ele localize o documento e faça o manifesto ficando pendente de download e no próximo ciclo ele faça o efetivo download, a verdade é que funciona e depois de usar ele acabaram os meus problemas pois só busco na pasta dele as NFes.

Inconformado voltei ao ACBr e fui tentar fazer download pela chave de uma NFe que já havia sido manifestada/baixada pelo fiscal.io e mesmo assim nada, testei várias, nada, testei com dois ou três clientes diferentes e nada. Nada de sucesso 100%, continuam os mesmos sintomas de às vezes baixa às vezes não. Na verdade em alguns casos a nota nem é encontrada na base de dados da sefaz.

Também tem o site FSist, sei que vão comentar que é um método irregular de baixar a nota, mas o nosso cliente tá nem aí pra isto, ele quer a nota ao alcance do leitor de barras.

Há um inconveniente enorme em tudo isto, tem que baixar um software de terceiros, ficamos na dependência dele, tudo no ACBr é tão bom e tão rápido que não há como se conformar com este pedacinho que insiste em não funcionar 100%.

Edited by JuarezH

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boa tarde..

As empresas que atendo tem 100% dos documentos com base no NSU.

Se ocorrer algum erro de "salto de nsu" o sistema apresenta as lacunas e faz as baixas.

Sim, ocorrem erros de comunicação com a sefaz (temporários), atrasos (sincronização sefaz estadual com ambiente nacional), certificados digitais, etc... tudo conforme previstos nas notas técnicas.

 

Att.

 

Leandro

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
13 horas atrás, Leandro Vignoto disse:

Boa tarde..

As empresas que atendo tem 100% dos documentos com base no NSU.

Se ocorrer algum erro de "salto de nsu" o sistema apresenta as lacunas e faz as baixas.

Sim, ocorrem erros de comunicação com a sefaz (temporários), atrasos (sincronização sefaz estadual com ambiente nacional), certificados digitais, etc... tudo conforme previstos nas notas técnicas.

 

Att.

 

Leandro

Bom dia...

Aqui também funciona muito bem, com as mesmas ressalvas feitas pelo Leandro

att.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom dia Juarez,

A unit que gera o XML de consulta ao webservice DistribuicaoDFe foi escrita conforme consta na Nota Técnica publicada pelo Encat e disponibilizada no Portal Nacional da NF-e, bem como a do CT-e e MDF-e.

A rotina que estabelece a conexão com a SEFAZ é exatamente a mesma usada para todos os outros métodos (envio de lote, consulta, envio de eventos, ...).

Me parece que a SEFAZ-RS possui um webservice particular para o DistribuicaoDFe, mas acredito que este seja apenas para os contribuintes do RS.

Pode se que esses programas que você mencionou se utilizam desse webservice, tai uma coisa para se investigar.

Peço que compare o XML gerado com o layout publicado na Nota Técnica, quem sabe cometemos alguma gafe.

Outra coisa importante, o componente se utiliza do serviço DistribuicaoDFe disponibilizado pela SEFAZ-Virtual do Ambiente Nacional e os eventos de Manifestação do Destinatário também são enviados para a SV-AN.

  • Like 3

Consultor SAC ACBr Italo Jurisato Junior
Ajude o Projeto ACBr crescer - Assine o SAC

Projeto ACBr

Analista de Sistemas / e-mail: [email protected] / Fone: (16) 9-9701-5030 / Araraquara-SP

Share this post


Link to post
Share on other sites

Só uma ressalva muito importante mesmo.

esse método é para a exceção e não a regra de baixar os xml, seus clientes devem exigir do fornecedor essas notas. muito importante é lembrar que por obrigação após a emissão ele deve disponibilizar por qualquer meio essas notas e não ficar dependente do sefaz, ao momento que começar a passar a validar os downloads de xml que está sendo na totalidade passará a ter implicações os clientes

  • Like 3

Consultor SAC ACBr Juliomar Marchetti
Ajude o Projeto ACBr crescer - Assine o SAC

Projeto ACBr

skype: juliomar
telegram: juliomar
http://www.juliomarmarchetti.com.br
Embarcadero MVP

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 minutos atrás, Italo Jurisato Junior disse:

Bom dia Juarez,

A unit que gera o XML de consulta ao webservice DistribuicaoDFe foi escrita conforme consta na Nota Técnica publicada pelo Encat e disponibilizada no Portal Nacional da NF-e, bem como a do CT-e e MDF-e.

A rotina que estabelece a conexão com a SEFAZ é exatamente a mesma usada para todos os outros métodos (envio de lote, consulta, envio de eventos, ...).

Me parece que a SEFAZ-RS possui um webservice particular para o DistribuicaoDFe, mas acredito que este seja apenas para os contribuintes do RS.

Pode se que esses programas que você mencionou se utilizam desse webservice, tai uma coisa para se investigar.

Peço que compare o XML gerado com o layout publicado na Nota Técnica, quem sabe cometemos alguma gafe.

Outra coisa importante, o componente se utiliza do serviço DistribuicaoDFe disponibilizado pela SEFAZ-Virtual do Ambiente Nacional e os eventos de Manifestação do Destinatário também são enviados para a SV-AN.

Farei a comparação e a questão da SEFAZ-RS faz sentido, não custa nada fazer mais uma verificação, obrigado pelas dicas.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
38 minutos atrás, Juliomar Marchetti disse:

Só uma ressalva muito importante mesmo.

esse método é para a exceção e não a regra de baixar os xml, seus clientes devem exigir do fornecedor essas notas. muito importante é lembrar que por obrigação após a emissão ele deve disponibilizar por qualquer meio essas notas e não ficar dependente do sefaz, ao momento que começar a passar a validar os downloads de xml que está sendo na totalidade passará a ter implicações os clientes

Perfeito Juliomar, tanta coisa deveria ser exceção e se torna regra....Sei da obrigatoriedade de disponibilização do XML pelo fornecedor, sempre muito comentada aqui no fórum. Mas o mercado é um pouco diferente e depois que um cliente teu visita outra empresa e vê funcionando 100% escanear barras/manifestação/download/importação fica um pouco complicado se justificar com este argumento. Se a sefaz evitar download na verdade que evite 100% também, pelo menos a regra do jogo se iguala. Obrigado por seu comentário e parabéns de novo a toda a equipe do ACBr, sempre atenciosa e interessada. 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Esse fiscal.io diz que consegue o resumo das nossas dia últimos 5 anos seguindo as regras do Confaz. Que eu saiba, só tem como fazer isso dos últimos 90 dias.  Alguém sabe algo sobre? 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

 

 

22 horas atrás, douglaswf disse:

Esse fiscal.io diz que consegue o resumo das nossas dia últimos 5 anos seguindo as regras do Confaz. Que eu saiba, só tem como fazer isso dos últimos 90 dias.  Alguém sabe algo sobre? 

Caros, o site da SEFAZ onde se faz a consulta completa da NFe e é possível baixar o XML ( tendo o certificado ) ele permite isso por 5 anos ? No site do referido software ele fala sobre o acesso a um "serviço inédito" onde se pode baixar o RESUMO das notas e da chave de acesso e a partir dessa chave ir Manualmente, creio eu, no site da fazenda e baixar pela chave a nota.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 22/01/2019 at 11:24, douglaswf disse:

Esse fiscal.io diz que consegue o resumo das nossas dia últimos 5 anos seguindo as regras do Confaz. Que eu saiba, só tem como fazer isso dos últimos 90 dias.  Alguém sabe algo sobre? 

aqui na empresa adiquirimos o tal de makroxml e sim baixa todas a notas, nfce, nfe. quando cliente perde aqui tem sido a salvação, como fazem não sei, ouvir boatos que um dos donos é de dentro da sefaz RS , apenas boatos que ouvir. ai já tem clientes meus cobrando a baixa do xml do mesmo modo, quero ver como vou fazer pra baixar isso se os WS sao limitados e os caras tem acesso a lugares que mais ninguem tem pra baixar, muito dificil.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Agora, gss200610 disse:

aqui na empresa adiquirimos o tal de makroxml e sim baixa todas a notas, nfce, nfe. quando cliente perde aqui tem sido a salvação, como fazem não sei, ouvir boatos que um dos donos é de dentro da sefaz RS , apenas boatos que ouvir. ai já tem clientes meus cobrando a baixa do xml do mesmo modo, quero ver como vou fazer pra baixar isso se os WS sao limitados e os caras tem acesso a lugares que mais ninguem tem pra baixar, muito dificil.

Esta foi a minha intenção ao criar o tópico, a grande verdade é esta e creio que fecha com o que o Ítalo citou acima, o webservice do RS deve mesmo ser diferente e não é todo mundo que tem acesso. Viva o Rio Grande ! estado quebrado e sempre querendo ser o diferentão. Aí cria uma regra pra baixar os XMLs mas não é pra todos.

Share this post


Link to post
Share on other sites
9 minutos atrás, JuarezH disse:

Esta foi a minha intenção ao criar o tópico, a grande verdade é esta e creio que fecha com o que o Ítalo citou acima, o webservice do RS deve mesmo ser diferente e não é todo mundo que tem acesso. Viva o Rio Grande ! estado quebrado e sempre querendo ser o diferentão. Aí cria uma regra pra baixar os XMLs mas não é pra todos.

Aí já não concordo. O SEFAZ RS tem o serviço, mas ele é publico e pode ser usado por quem quiser, desde que atenda as exigências dele. E ele só pode ser usado pelo RS. Nem que usa Sefaz Virtual RS (como o estado de SC) não pode usar.  Não é nada de diferentão, e sim algo que vem pra ajudar. Eu nem uso esse serviço e não me faz falta pois aqui os métodos do ACBR funcionam muito bem.

A questão é que esse fiscal.io fala do país todo, então não é com métodos documentados nem no SEFAZ RS e nem no Nacional. 

Edited by douglaswf
erro de gramática
  • Like 1
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Atualização...

 

FSIST nao está baixando mais por causa da consulta antiga que foi removida...

Fiscal.io não faz mais o milagre de recuperar as chaves dos últimos 5 anos como anunciava a algumas semanas. Parece que alguem "fechou a porta".

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Como faço para baixar as NFe´s emitidas no dia ou período, sendo que a transportadora foi indicada na nota fiscal, com seu CNPJ?

Como posso baixar CTe também, quando o CNPJ fizer parte?

Uma seguradora está baixando os CTe que estão com o CNPJ dela na tag AUTxml.  

Como posso fazer isso sem ter DANFE ou DACTE?  Só pelo DFE é possível?


O componente DMDFe.NFe permite baixar somente o Destinatário ou também o transportador indicado?

DMDFe.NFe.DistribuicaoDFePorUltNSU( DM_CTA.EmpresaCodigoEstado.AsInteger,
                                       CNPJ,
                                       edtUltNSU.Text );

Só reforçando, estou falando em NFe e CTe onde a empresa faz parte e vou usar com o certificado.

 

Atenciosamente

Sérgio

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

×
×
  • Create New...