Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

ÚLTIMOS DIAS!

Delphi com até 25% de desconto
Ganhe Acesso ao SAC ACBr Brindes exclusivos do ACBr
Saiba mais

Balança SM100 performance surpreendente

Tecnologia Japonesa   Teclado e Visor resistentes a água
Consumo inteligente de etiquetas   Baixo custo de manutenção
Comunicação Ethernet e WIFI independentes

Saiba mais

Impressora de Etiquetas ELGIN - L42 PRO

Protocolos PPLA, PPLB, ZPL, EPL (automático)
Porta USB padrão Opcionais: Ethernet, Serial, Paralela
Sensor de Etiquetas Móvel Garantia de 18 meses

Saiba mais

Recommended Posts

Introdução:
    Recebemos gentilmente da Epson, a impressora não fiscal TM-T88V, para testes, utilizando os exemplos do ACBr: PosPrinterTeste.exe e SATTeste.exe.
tm-t88v.jpg

 

Computador Desktop
Sistema Operacional Windows 10 64Bit atualizado (12/02/2018)
Processador Intel Core 2 Duo E4500 2.20GHz
Memória 2 GB
USB 2.0
   
Impressora TM-T88V
Protocolo Epson Esc/Pos
Meios de comunicação
  • USB
  • Serial física (DB-25) (opcional)
  • TCP/IP (RJ45) (opcional)

 

Impressão do Autoteste:
    Siga os passos abaixo:

  1. Com a impressora desligada, mantenha pressionado o botão Avanço de Papel(1) pressionado e ligue a impressora(2);
  2. Mantenha pressionado o botão Avanço de Papel(1) até começar a imprimir o Autoteste;
  3. Quando a impressora parar de imprimir, a luz Paper(3) ficará piscando;
  4. Pressione o botão Avanço de Papel(1) para imprimir a segunda parte do teste;
  5. Após a impressão, a luz Paper(3) continuará piscando. Pressione novamente para finalizar o teste:
    001-autoteste.jpg
  6. O GIF animado abaixo exemplifica o procedimento descrito acima:
    videotogif_2019.02.12_16.41.12.gif

 

Instalação da TM-T88V:
    Drivers e tools:

USB – Spooler do Windows:

    Para realizar a instalação siga as etapas abaixo:

  1. Ligue a impressora e conecte-a porta USB;
  2. Será exibido Outros dispositivos/TM-T88V em Gerenciador de Dispositivos:
    007-inst-usb.jpg
  3. Realize o donwload e descompacte o arquivo APD_510_T20_EWM.zip;
  4. Execute o instalador APD_510_T88V.exe;
  5. Clique em Next(1) ;
  6. Caso concorde com os termos da licença do software, selecione Agree(2) e depois clique em Install(3) :
  7. Clique em Next(4) :
    008-inst-usb_final.jpg
  8. Na tela para vincular o driver com a impressora, o modelo(5) é selecionado automaticamente pelo software;
  9. Selecione a comunicação, em nosso exemplo foi USB(6);
  10. Ao clicar em Save Settings(7), será exibido a impressora TM-T20(8) configurada;
  11. Para concluir, clique em Next(9) :
    012-inst-usb_final.jpg
     
  12. Após concluir a instalação, será exibida a impressora TM-T20 em Impressoras e Scanners:
    015-inst-usb.jpg

USB – DLL do fabricante:

    A Epson disponibiliza, às software houses, uma biblioteca (DLL) para comunicação bilateral com suas impressoras. Ela permite ter as mesmas vantagens da comunicação serial, sem a necessidade de uma porta serial física (COMx) ou emulada (USB/Serial). O ACBrPosPrinter tem suporte a esta biblioteca. Há um tópico que explica, com maiores detalhes, esta funcionalidade e sua implementação, e pode ser conferido neste link:

    Nota: Para melhor utilização da DLL com a impressora, é necessário um ajuste nos Dip-switchs, veja o final do artigo.

 

COM Física - Esc/POS:
    A TM-T88V que recebemos, utiliza um conector DB25 para comunicar-se com um computador. Portanto, se faz necessário um cabo diferenciado para realizar tal tarefa. O cabo que utilizamos para realizar os testes foi este:
image.png

    Veja a sessão de Dip-Shitchs para ajustar as configurações da Serial da Impressora, se necessário.
    Com o utilitário da Epson, podemos configurar a velocidade de impressão da porta Serial. Para realizar tal configuração, siga os passos abaixo:

  1. Execute o utilitário como administrador:
    image.png
     
  2. Clique em Adic. Porta(1);
  3. Selecione Série(2);
  4. Defina qual a porta COM utilizada. Em nosso exemplo utilizamos a COM1(3);
  5. Defina a velocidade para 38400 bps(4);
  6. Caso deseje, realize um Teste de comunicação(5) e depois clique em OK(6) na mensagem de sucesso;
  7. Clique em OK(7) para vincular a porta COM1 com a TM-T88V(8);
  8. Clique em OK(9) para abrir o utilitário:
    image.png
     
  9. No utilitário, selecione a opção Comunicação I/F(10);
  10. Serão exibidos opções da porta serial. Essas opções somente serão exibidas se, a comunicação entre a impressora e o computador, for serial.
  11. Defina a velocidade para 115200 bps(11) e depois clique em Definir(12):
    image.png
     
  12. A impressora reiniciará e o utilitário perderá a comunicação. Conosco, foi necessário desligar e religá-la novamente para efetivar as alterações.
  13. Caso deseje utilizar o utilitário novamente, refaça as etapas de 1 até 8, definindo 115200 bps na etapa 5.

 

TCP/IP:
    Nota: A chave 8 do dip-switch 2 vem desligada de fábrica. Desta forma, a comunicação USB ficará ativa e a ethernet inativa. Para usar a comunicação ethernet, ligue essa chave. Ao ligá-la, o USB ficará inativa e a ethernet ativa. Para maiores detalhes, consulte a sessão Dip-switch no final deste documento.
    O endereço IP definido de fábrica é: 192.168.192.168. Para alterar esse endereço, é necessário configurar um computador na mesma faixa deste endereço. Em nossos testes, ligamos um cabo diretamente entre o computador e a impressora, e definimos o endereço do computador para 192.168.192.161. Para definir estas configurações, realize os passos abaixo:

  1. Clique com o botão direito no ícone de rede(1) e depois Abrir configurações de Rede e Internet(2) :
    image.png
     
  2. Selecione a opção Ethernet(3) => Alterar opções do adaptador(4);
  3. Clique com o botão direito na placa de rede de seu computador(5) =>Propriedades(6);
  4. Selecione Protocolo IP Versão 4 (TCP/IPv4)(7) => Propriedades(8);
  5. Defina as configurações de IP(9) conforme abaixo:
    - IP: 192.168.192.161
    - Mascara: 255.255.255.0
    - Gateway: 192.168.192.1
    - DNS: 8.8.8.8
  6. Para aplicar as configurações, clique em OK(10) => OK(11):
    image.png

    À partir deste ponto será possível acessar a TM-T88V pelo navegador web. O portal exibido, parecido com o de um roteador, permite realizar a troca do endereço IP. Para realizar tal configuração, siga os passos abaixo:

  1. No navegador web, acesse o endereço http://192.168.192.161(12);
  2. Clique em Avançado(13) => Adicionar exceção(14) => Confirmar exceção de segurança(15) :
    image.png
     
  3. Na autenticação(16), digite:
    - Usuário: epson
    - Senha: epson
    image.png
     
  4. Selecione IPv4 Address(17);
  5. Altere o Endereço IP e mascara(18) conforme seu ambiente. Em nossos testes, usamos:
    - IP:192.168.15.31
    - Mascara: 255.255.255.0
    - Demais configurações não alteramos;
  6. Ao clicar em Send(19), a impressora estará com o novo endereço de rede configurado:
    image.png


USB – COM Emulada:

    A Epson disponibiliza um software que simula uma porta serial COM. Através dele, é possível enviar comandos Esc/POS e receber informações da impressora pelo porta USB. Para realizar a instalação siga as etapas abaixo:

  1. Realize o download e execute o programa TM-VPD_8.60a.exe;
  2. Siga os passos da instalação até a sua conclusão:
    image.png
     
  3. Ao finalizar a instalação será exibida a tela para vincular a TM-T88V em uma porta serial;
  4. Para realizar a vinculação, selecione uma porta serial. Em nosso exemplo usamos a COM3(1);
  5. Clique em Assign Port(2);
  6. Na aba Assign Port(3) selecione a impressora TM-T88V(4);
  7. Selecione a aba Command Emulation(5);
  8. Habilite a opção Enabled ESC/POS Command Emulation(6) e depois clique em OK(7);
  9. A impressora EPSON(8) será vinculada com a porta que selecionamos, ou seja, COM3(1);
  10. Clique em Exit(9) para sair:
    image.png
     
  11. No Gerenciador de dispositivos será exibida a porta adicionada, no nosso exemplo a COM3:
    image.png

 

 

Testes usando os componentes e Demos do ACBr:
    Utilizamos a versão 3.2.1 do PosPrinterTeste.exe, demo do ACBrPosPrinter, parte do projeto ACBr, para efetuar testes na impressora. A ultima versão do PosPrinterTeste.exe está disponível neste link: https://www.projetoacbr.com.br/forum/files/file/364-posprintertesteexe/

    Durante os testes deixamos as configurações desta forma:
image.png

  • Modelo: ppEscPosEpson;
  • Porta: COM1;
  • Colunas: 42;
  • Espaços: 40;
  • Linhas Pular: 5;
  • Pag. codigo: pc860;
  • KC1: 48;
  • KC2: 48;
  • FatorX: 2;
  • FatorY: 2;
  • Demais configurações não alteramos;

Meios de comunicação utilizados:
    Usando o campo Porta, testamos os 5 meios de comunicação possíveis com a impressora:

  • USB - COMxx (Emulada)– Para comunicação serial. No nosso ambiente definimos a porta serial do computador como COM3, através do software da Epson;
  • RAW:nome da instalação da impressora (USB)– Para enviar a impressão ao Spool do Windows em modo RAW. (exemplo: RAW:TM-T88V);
  • COMxx (Física)– Também para comunicação serial. No nosso exemplo usamos a COM1;
  • TCP/IP – Para envios de comandos Esc/POS diretamente para a impressora usando TCP/IP. (Exemplo: TCP:192.168.15.31:9100);
  • Biblioteca (DLL)– Também utilizada para comunicação serial. No nosso exemplo definimos USB:Epson ;

 

Armazenar o Logotipo na impressora:
    A partir da revisão 16349 do SVN oficial do ACBr, foi implementada uma nova funcionalidade no componente ACBrPosPrinter, permitindo gravar e apagar o logotipo na impressora, descartando a necessidade de usar um utilitário do fabricante. Para saber mais, acesse este link:

Resultado:
    A impressora suportou a gravar um logotipo, apagar e imprimir um logotipo existente na memória, usando comandos Esc/POS.
 

image.png

Normal:

  • KC1: 48
  • KC2: 48;
  • FatorX: 2;
  • FatorY: 2;

Reduzido:

  • KC1: 48
  • KC2: 48;
  • FatorX: 1;
  • FatorY: 1;


Demais testes:
    As imagens abaixo, exemplificam a compatibilidade da impressora com o componente ACBrPosPrinter. Com algumas pequenas ressalvas, observe que o equipamento se saiu muito bem, efetuando a impressão de acordo com os comandos suportados pelo protocolo Epson Esc/Pos:

  • Formatação de carácter: Com exceção da fonte itálico, todas as demais propriedades funcionaram perfeitamente:
    formatação_de_caracteres.jpeg
     
  • Alinhamento + Impressão direta de imagens: O texto e a imagem foram impressas corretamente, respeitando o alinhamento:
    alinhamento.jpeg
     
  • QR Code: Todos os códigos utilizados foram impressos corretamente:
    qrcode.jpeg
  • Código de Barras: Os tipos std25, CODE11 e MSI não foram impressos:
    código_de_barras.jpeg
     
  • Leitura de Status: A impressora retornou o Status pela porta COM1, USB/Com emulada (COM3), TCP/IP e via biblioteca do fabricante:
    leitura_de_status.jpeg
     
  • Page Mode: Funcionou conforme o esperado. Entretanto, não permite o uso de DANFCe com QRCode Lateral devido ao tamanho reduzido de colunas: 42 ao invés de 48.
    pagemode.jpeg
  • Campainha: Alguns modelos da TM-T88V tem campainha interna. O modelo que temos em mãos, M244A, não tem. Existe a opção de uma campainha externa, ligada na mesma conexão da gaveta de dinheiro (RJ11), porém, somente é possível usar um dos dispositivos: gaveteiro ou campainha.

 

Teste de acentuação:
    Para realizarmos os testes de acentuação com diferentes páginas de código, procedemos da seguinte forma:

  • Inserimos um pantograma da língua portuguesa, contendo todas as letras e acentos(1) usando as fontes do Tipo A e B;
  • No cabeçalho foi colocado a tag </zera>(2) para limpar as configurações a cada teste;
  • Foi realizada uma impressão por página de código disponível na impressora(3);
    image.png
    image.png

    Resultados:

  • pc473: Alguns acentos circunflexos, todas as crases e o til foram ignorados;
    pc437.jpeg
     
  • pc850: Todos os acentos foram impressos corretamente;
    pc850.jpeg
     
  • pc852: Alguns acentos circunflexos, todas as crases e o til foram ignorados;
    pc852.jpeg
     
  • pc860: Todos os acentos foram impressos corretamente;
    pc860.jpeg
     
  • pc1252: Todos os acentos foram impressos corretamente;
    pc1252.jpeg


Leitura de Status:
    A leitura do estado da impressora é funcional através dos meios de comunicação: Serial física (COM1), rede (TCP/IP), Serial virtual (COM3) e biblioteca (DLL). Abaixo alguns status retornados pela impressora:

  • Pronta para uso: “Nenhum Erro encontrado”;
  • Tampa aberta: “stErroLeitura,”;
  • *Pouco papel: “Nenhum Erro encontrado”;
  • Sem papel: “stSemPapel, stOffLine”;
  • Gaveta de dinheiro aberta: “stGavetaAberta, stErroLeitura,”

    *Nota: A leitura de pouco papel não funcionou pela biblioteca. Já entramos em contato com o fabricante para informar o problema.

Impressão de extratos do SAT com SATTeste:
    O SATTeste é um demo do ACBrSAT, parte do projeto ACBr. Realize o download neste link:
https://www.projetoacbr.com.br/forum/files/file/316-sattesteexe/
    Testamos a impressão usando o Spool do Windows através do Gerador de Relatórios Fortes Report, e também usando a impressão em ESC/POS.
    As configurações utilizadas foram as seguintes:
image.png

Fortes EscPOS
  • Largura: 289
  • Topo: 0
  • Fundo: 0
  • Esquerda: 4
  • Direita: 0
  • Impressora: TM-T88V
  • Colunas: 42
  • Espaço Linhas: 40
  • Linhas Pular: 4
  • Pag.codigo: pc860
  • Modelo: ppEscEpson
  • Porta: COM1
  • Logotipo: Habilitado
  • KC1: 48
  • KC2: 48
  • FatorX: 1
  • FatorY: 1

 

    Exemplo de um cupom fiscal impresso pela TM-T88V, usando Esc/POS (Esquerda) e Fortes(Direita) :
cupons.jpeg

 

    Conforme citamos, a impressora não suporta cupons com QRCode e Logotipo lateral usando Esc/POS. Neste caso, realizamos apenas o teste com Fortes Report:
qrcode_lateral.jpg

 

Teste de desempenho:
    Através de comandos EscPOS, realizamos a impressão de vários extratos de SAT com diversas quantidades de itens, coletando os tempos de impressão.
    Para medição mais precisa do tempo de impressão do equipamento nos testes envolvendo o Spooler do Windows (RAW:TM-T88V), não usamos o gerenciamento de fila de impressões do próprio serviço de Spooler, devido o uso da memória do computador para gerenciar a fila de impressões. Portanto, habilitamos a opção Imprimir diretamente na impressora na aba Avançado nas Propriedades da impressora. Desta forma, o serviço de Spooler apenas repassa a impressão diretamente para a impressora, não gerenciando a fila de impressões para o equipamento.
    Todas as formas de comunicação disponibilizada pela TM-T88V foram testadas:

Serial Física:
   
As configurações foram as seguintes:

  • Modelo: ppEscEpson
  • Porta: COM1
  • Colunas: 42
  • Espaços Linhas: 40
  • Linhas Pular: 5
  • Pag. codigo: pc860

    Resultados:
036-planilha-serial-física.jpg

    Nota: Verificamos que ao enviar impressões em Esc/Pos, usando extratos com 100 itens ou mais, a impressora não finaliza a impressão. Acreditamos que seja algo relacionado com ao tamanho do buffer. Porém, como a impressão é feita através da porta COM, foi possível contornar esta situação, usando uma configuração específica em ACBrPosPrinter.Device, do qual permite configurar o tamanho máximo do buffer nesta porta.

ACBrPosPrinter.Device.SendBytesCount: Determina o número máximo de bytes a serem enviados pela porta.

ACBrPosPrinter.Device.SendBytesInterval: Determina o número de milissegundos a aguardar, antes de enviar o próximo Buffer de dados.

    Para efetuar tal configuração no SATTeste, vá na aba Impressão(1), clique no ícone de configuração(2), e defina a seguinte configuração:

  • Handshaking(3): RTS/CTS (HardFlow selecionado);
  • Buffer de Envio(4): 3000;
  • Espera Buffer(5): 10

image.png

 

USB/COM Emulada:
    As configurações foram as seguintes:

  • Modelo: ppEscEpson
  • Porta: COM3
  • Colunas: 42
  • Espaços Linhas: 40
  • Linhas Pular: 5
  • Pag. codigo: pc860

Resultados:
036-planilha-serial_emulada.jpg

    Nota: Cupons com 300 itens ou mais travam durante a impressão. Testamos, de todas as formas que encontramos de contornar o problema, mas sem sucesso. Informamos a Epson sobre este problema.

USB/Spool do Windows:
    As configurações foram as seguintes:

  • Modelo: ppEscEpson
  • Porta: RAW:TM-T88V
  • Colunas: 42
  • Espaços Linhas: 40
  • Linhas Pular: 5
  • Pag. codigo: pc860

Resultados:
036-planilha-usb_spooler.jpg

USB/Spool do Windows:
    As configurações foram as seguintes:

  • Modelo: ppEscEpson
  • Porta: TCP:192.168.15.31
  • Colunas: 42
  • Espaços Linhas: 40
  • Linhas Pular: 5
  • Pag. codigo: pc860

Resultados:
036-planilha-tcp-ip.jpg

USB/Spool do Windows:
    As configurações foram as seguintes:

  • Modelo: ppEscEpson
  • Porta: USB:EPSON
  • Colunas: 42
  • Espaços Linhas: 40
  • Linhas Pular: 5
  • Pag. codigo: pc860

Resultados:
036-planilha-biblioteca.jpg

 

Sobre o equipamento:
    A TM-T88V tem um gabinete simples, resistente e bem acabado. Robustez, é a mensagem que o seu design passa ao seu observador. Os detalhes são sutis, mas fazem toda a diferença na utilização da impressora em ambientes hostis. A elevação que contorna a abertura da saída de papel, protege a entrada acidental de líquidos em seu interior. O botão liga/desliga, também protegido, evita seu acionamento acidental. Na base, há “pés” de borracha, dificultando o seu deslise. Também na base, ha orifícios para fixação em um suporte, opcional, permitindo seu uso na vertical.
    As conexões ficam na traseira do gabinete. São elas: USB (Padrão AB), conector de energia e, um pouco mais escondido, o conector da gaveta/campainha. Junto a estes conectores, há um orifício para adição de placas de expansão. As duas disponibilizadas pelo fabricante foram: Serial, qual utiliza um conector DB25, já citado neste documento, e Ethernet, através de uma porta RJ45 para cabos de rede.
    A interação com o usuário é feita pelo painel. Através de luzes indicativas, o usuário é informado se o papel acabou ou está perto de seu fim, se há algum erro e se a impressora está ligada. O botão “Feed” permite o avanço do papel e a impressão do autoteste. Logo abaixo, ha uma alavanca para acionar a tampa da baia do papel, permitindo sua troca.

 

Sobre a utilização do equipamento:
    A TM-T88V se demonstrou rápida. Imprimiu o teste de QRCode na mesma velocidade da impressão de textos simples. Achamos importante dar esse destaque porque, em impressoras que não focam em velocidade, comumente ocorre uma breve pausa antes da impressão do QRCode.
    Ela demonstrou uma alta compatibilidade com o componente. Ela suportou várias páginas de código, formatação de carácter, alinhamento, page mode, todos os qrcodes e a maioria dos tipos de código de barras.


Sobre a utilização do software de configuração da impressora:
    É um software com diversas opções além das relatadas neste documento. Através dele podemos: Reduzir o consumo de papel diminuindo alguns espaçamentos, corte automático do papel, densidade da impressão, velocidade da impressão, etc. Essas e outras opções ajudam a adequar a impressora com as necessidades do cliente.

 

Sobre a comunicação com a porta COM emulada:
    Verificamos que a compatibilidade da impressora com a porta serial emulada foi muito baixa. Porta esta, totalmente criada por um software, aparenta ter uma terrível limitação: não consegue sincronizar os dados enviados com a impressora. Suspeitamos que, por este motivo, impressões de cupons com 300 itens ou mais, não são impressos legivelmente por completo, resultando na impressão de caracteres inválidos até o seu termino. Conforme já citamos neste documento, a Epson foi informada do problema.

 

Ficha técnica fornecida pelo fabricante:
Geral:

  • Método de impressão: Impressão térmica de linhas
  • Fonte de impressão:
    - A (configurada): 12 x 24
    - B: 9 x 17
  • Capacidade de coluna para rolos de 80 mm: 42/56 colunas;
  • Tamanho de caracteres fonte:
    - A: 1,41 mm x 3,39 mm
    - B: 0,99 mm x 2,40 mm
  • Conjuntos de caracteres: 95 Alfanuméricos, 18 Internacionais, 128 x 43 gráficos (incluindo um espaço de página) - Chinês simples/tradicional, Tailandês, Japonês, Coreano
  • Código de Barras: UPC-A/E, CODE 39/93/luir128, EAN 8/13, ITF, CODABAR, símbolos 2D: PDF417, QR - CODE, MaxiCode, Simbologia Composta, GS1-128

Impressora

  • Interface: Interface USB incorporada + outra opção: RS-232C serial, IEEE-1284 paralela, Ethernet 10/100Base-T/TX ou uma interface Connect-It* (Pode-se usar somente uma interface de cada vez).

Buffer de dados

  • Recepção: 45 bytes ou 4KB (selecionável)
  • Definido pelo usuário: 12 KB
  • Macro: 2 KB
  • Gráficos NV: 256 KB
  • Usuário NV: 1 KB
  • Modo de área de página: 64 K
  • Velocidade de impressão (máx.): 300 mm/s gráficos e texto
  • Dimensões do papel:
    - 79,5 ± 0,5 (largura) x 83 mm (diâmetro)
    - 57,5 ± 0,5 (largura) x 83 mm (diâmetro)
  • Energia: 24 V CC ± 7%
  • Potência consumida: Média aproximada de 1,8A
  • Função Acionador de Gaveta: 2 Controladores
  • Confiabilidade:
    - MTBF: 360.000 horas
    - MCBF: 70.000.000 linhas
  • Guilhotina: 2 milhões de cortes
  • Dimensões gerais: 145 mm x 195 mm x 148 mm (5,71” x 7,68” x 5,83”) (L x P x Alt.)
  • Peso: 1,6 kg (3,5 lb)
  • Cor: ECW (Branca), EDG (Cinza Escuro)

Dip-Switches:
    Algumas configurações somente são passíveis de alteração através dos dip-switches presente na impressora. Eles permitem alterar a velocidade da porta serial física, desabilitar ou habilitar a guilhotina e a campainha, definir a densidade da impressão, etc.
    Um dip-switch é um componente eletrônico com várias chaves liga/desliga numeradas sequencialmente. Na TM-T88V existem dois, DSW1 (dip-switch 1) e DSW2 (dip-switch 2). O acesso a eles é feito por uma tampa na base da impressora.
image.png

    Contudo, na TM-T88V, esses dip-switches tem funcionalidades diferentes conforme a placa de expansão instalada. A Epson nos disponibilizou duas: Serial DB-25 (RS-232) e Ethernet (RJ45). Abaixo, descrevemos, com base no manual da impressora, o comportamento de cada chave do dip-switch conforme a placa de expansão usada:

Serial DB-25 (RS-232)
image.png

DIP-Switch 1 (DSW1) :

 

Chave

Função

Ligada(on)

Desligada

Padrão de Fábrica

 

 

Porta serial física

 

1

Recepção dados inválidos

Ignorar

Imprime ‘?’

Desligada

 

Baudrate

Chave 7

Chave 8

2

Capacidade do buffer

45 bytes

4kB

 

Desligada

 

2400, 4800, 9600, 19200, 38400, 57600, 115200 *

Ligada

Ligada

3

Controle de fluxo

XON/XOFF

DTR/DSR

Desligada

 

4800

Desligada

Ligada

4

Bits de dados

7 bits

8 bits

Desligada

 

9600 (padrão)

Ligada

Desligada

5

Verificar paridade

Sim

Não

Desligada

 

19200

Desligada

Desligada

6

Paridade

Par (Even)

Ímpar (Odd)

Desligada

 

 

 

 

 

DIP-Switch 2 (DSW2)

Chave

Função

Ligada(on)

Desligada

Padrão de Fábrica

 

 

Densidade de impressão

 

1

Controle de fluxo (condição: ocupado)

Retorna buffer cheio

- Retorna buffer cheio;

- Retorna offline;

Desligada

 

 

Chave 3

Chave 4

2

Reservado (não alterar)

-

-

Desligada

 

Não define a densidade

Ligado

Ligado

5

Define quando deve ocorrer o retorno de Buffer BUSY (Só tem efeito se a chave 2 do dip-switch 1 estiver desligada):

Retorna Buffer BUSY se atingir 138 bytes livre da capacidade

Retorna Buffer BUSY se atingir 256 bytes livre da capacidade

Desligada

 

Normal (Padrão)

Desligada

Desligada

6

Reservado (não alterar)

-

-

Desligada

 

Médio

Ligada

Desligada

7

I/F pin 6 reset signal

Habilitado

Desabilitado

Desligada

 

Escuro

Desligada

Ligada

8

IF pin 25 reset signal

Habilitado

Desabilitado

Desligada

 

 

    Nota: Nos testes, definimos a velocidade da porta para 115200. Para tal, foi necessário definir as chaves 7 e 8 como ligadas, e pelo software do fabricante, definir a velocidade para 115200. Essa configuração do software é explicada na sessão Instalação da TM-T88V – COM Física.

 

Ethernet (RJ45)

image.png

DIP-Switch 1 (DSW1) :
 

Chave

Função

Ligada(on)

Desligada

Padrão de Fábrica

1

Auto line feed

Sempre habilitado

Sempre desabilitado

Desligada

2

Capacidade do buffer

45 bytes

4kB

 

Desligada

3 ao 8

Sem definição

-

-

Desligada

 

DIP-Switch 2 (DSW2)

Chave

Função

Ligada(on)

Desligada

Padrão de Fábrica

 

 

Densidade de impressão

 

1

Controle de fluxo (condição: ocupado)

Retorna buffer cheio

- Retorna buffer cheio;

- Retorna offline;

Desligada

 

 

Chave 3

Chave 4

2

Reservado (não alterar)

-

-

Desligada

 

Não define a densidade

Ligado

Ligado

5

Define quando deve ocorrer o retorno de Buffer BUSY (Só tem efeito se a chave 2 do dip-switch 1 estiver desligada):

Retorna Buffer BUSY se atingir 138 bytes livre da capacidade

Retorna Buffer BUSY se atingir 256 bytes livre da capacidade

Desligada

 

Normal (Padrão)

Desligada

Desligada

6 e 7

Reservado (não alterar)

-

-

Desligada

 

Médio

Ligada

Desligada

8

Reservado (não alterar)

-

-

Ligada

 

Escuro

Desligada

Ligada

    Nota: Apesar do manual informar para “Não alterar”, a chave 8 do dip-switch 2 vem desligada de fábrica. Desta forma, a comunicação USB ficará ativa e a ethernet inativa. Para usar a comunicação ethernet, ligue essa chave. Ao ligá-la, o USB ficará inativa e a ethernet ativa.

 

Biblioteca Epson:

     Mude a chave 1 do dip-switch 2 para ligada. Com ela desligada a biblioteca também funciona, porém a aplicação “congela” ao tentar ler o status da impressora com a tampa aberta.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  • Curtir 3

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

×
×
  • Criar Novo...