Jump to content

Curso Dominando o ACBrMonitor
Novo Módulo Soluções de Varejo
Assine o SAC ACBr em qualquer plano e tenha acesso

Saiba Mais

Balança SM100 performance surpreendente

Tecnologia Japonesa   Teclado e Visor resistentes a água
Consumo inteligente de etiquetas   Baixo custo de manutenção
Comunicação Ethernet e WIFI independentes

Saiba Mais

Impressora de Etiquetas ELGIN - L42 PRO

Protocolos PPLA, PPLB, ZPL, EPL (automático)
Porta USB padrão Opcionais: Ethernet, Serial, Paralela
Sensor de Etiquetas Móvel Garantia de 18 meses

Saiba mais

DATAC

Membros
  • Content Count

    470
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

62 Excellent

2 Followers

About DATAC

  • Rank
    Membro Ativo

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Ou usar o libWinCrypt. Mas par isso tem que atualizar o Windows e verificar os hotfixs.
  2. Ainda está muito confuso toda esta questão envolvendo as ultimas mudanças no MDF-e. Portanto não estou informando este grupo por não ser obrigatório, em homologação está passando normalmente mesmo omitindo esses campos.
  3. Juliana, os exemplos de INI estão desatualizados.
  4. Mas no caso ainda está confuso, porque neste cenário as IPEFs não serão mais acionadas? Na ANTT diz que somente pelas IPEFs credenciadas são emitidos os CIOTs. Mas no caso se for diretamente pelo MDF-e como ficaria? *Pelo que percebo a geração do CIOT ainda será feita separadamente (pelo contratante do serviço de frete). Mas terá opção (ou obrigação) de informar no MDF-e os dados do pagamento gerado bem como o cód. CIOT.
  5. Pois é, mas se as IPEFs que são as responsáveis pela emissão do CIOT tem prazo até 09/06/2020 (que dá 90 dias a partir de 11/03/2020), pela lógica deduzo que as empresas também tem esse prazo, porque se não conseguir emitir com as IPEFs não tem como ter o CIOT. Mas vale o questionamento também.
  6. Não Gilberto. Como já citou a Juliana, saiu uma resolução em 11/03/2020. Com o seguinte: Foi publicado no DOE em 11/03/2020, a resolução 5.873, da ANTT, a qual prorroga para 09/06/2020 o prazo para adequação das Instituições de Pagamento Eletrônico de Frete(IPEF) a resolução 5.862 de 12/2019. Veja: http://www.in.gov.br/en/web/dou/-/resolucao-n-5.873-de-10-de-marco-de-2020-247283209 Portanto como já citei, a obrigatoriedade do CIOT fica (até o momento) para 09/06/2020. Porque depende das IPEFs adequarem os seus sistemas.
  7. Ok. Já tinha acessado o link, mas ainda não está atualizado o modelo do INI que consta no comando de criar.
  8. Onde encontro o manual atualizado com exemplo de geração do .INI?
  9. Portanto então a obrigatoriedade do CIOT fica (até o momento) para 09/06/2020. Porque depende das IPEFs adequarem os seus sistemas.
  10. Bom dia. No caso se informar no MDF-e o grupo de pagamento ou enviar posteriormente o evento referente não precisará gerar o CIOT? Seria isto ou independentemente de informar ou não no MDF-e o pagamento o contratante deverá gerar o CIOT sempre?
  11. Não. Realmente está muito confuso, mas são duas coisas diferentes e os prazos corretos são: CIOT: Data de entrada em vigor da Resolução ANTT nº 5.862/2019. A partir do dia 15/04/2020, será obrigatório para a contratação de qualquer transportador. (fonte: http://www.antt.gov.br/cargas/arquivos/PEF__Pagamento_Eletronico_de_Frete.html) NT 2020/001: Implantação Homologação... 09/03/2020 Implantação Produção......... 06/04/2020 Está confuso mesmo em relação as regras e procedimentos mas os prazos são estes.
  12. Outra dúvida seria em relação a obrigatoriedade, no modal rodoviário do grupo informações do pagamento do frete (infPag), posso não informar este grupo? E no caso de informar esse grupo (infPag), aí então seria possível realizar a emissão do CIOT automaticamente no ACBrMonitor?
  13. Acredito que não. Esta continua para 06/04/2020. Porque as alterações não são somente em relação ao CIOT.
  14. Sim acredito que está correto, mas no caso a questão é quem deve registrar o CIOT não é a empresa transportadora e sim o contratante. É previsto que todos os contratantes ou subcontratantes de transportes comecem a registrar CIOT por meio de instituições de pagamento habilitadas. E assim informar o número gerado para empresa colocar no MDF-e.
  15. Neste mesmo sentido surge outra dúvida: No caso a Geração automática do CIOT, pelo Sistema MDF-e, não se aplica às Empresas Transportadoras de Cargas (ETC) que emitem o seu próprio MDF-e? Neste caso O CIOT terá que ser providenciado pelos contratantes ou subcontratantes do transportes para depois ser passado à empresa de transporte e serem informados no MDF-e?
×
×
  • Create New...