Jump to content

Mark Apollo

Membros
  • Posts

    707
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    7

Mark Apollo last won the day on December 18 2013

Mark Apollo had the most liked content!

3 Followers

Contact Methods

  • Website URL
    http://vhttecnologia.com.br

Recent Profile Visitors

1,449 profile views

Mark Apollo's Achievements

Rising Star

Rising Star (9/14)

  • First Post
  • Collaborator Rare
  • Posting Machine Rare
  • Conversation Starter
  • Week One Done

Recent Badges

63

Reputation

8

Community Answers

  1. Pessoal, tudo bem?? Desculpem minha ausência, minha realidade mudou muito, já tem uns 4 anos que não estou no projeto mais, portanto não tenho as rotinas. Mas basicamente o que fiz foi salvar o conteudo do xml em um campo do tipo "XML" no sql server. Lembrando que fiz com c# e/ou diretamente no SQL Server. Até mais!
  2. Sim, até pensei que vc já tivesse sabendo, mas, ainda assim preferi comentar, mesmo que para registro de outros que chegassem aqui! Vou passar a acompanhar seu blog também, achei interessante!
  3. o ES já está emitindo NFCe, as lojas Sipolatti foram as primeiras a emitir!! http://internet.sefaz.es.gov.br/informacoes/nfce/historico.php
  4. Opa, que grande notícia!! tem alguma fonte, alguma citação para eu mostrar os amigos?
  5. Como fazer uma estimativa para um cliente se esta P#$*@ muda a todo momento?
  6. Parabéns, adenilton, lembro que tempos atras eu sugeri esta mudança, inclusive cheguei a implementar a nfe/cte/mdfe em c# e a comunidade não deu a mínima para mim, ao contrário, não aceitaram minha sugestão. Bom, tive que sair do projeto e hoje não sei como está, mas, fico feliz de ter mais gente que quer implementar e contribuir. Estou pegando um projeto que precisarei de implementar novamente e com as atualizações, muito possivelmente irei acabar contribuindo com seu projeto!
  7. Lamentável, o ES está querendo ficar fora do Brasil, só pode!! Aqui tudo tem que ser mais complicado? porque não utilizar a NFe no lugar da NFSe como em outros estados? porque não migrar para NFCe? porque não utilizar o GNRE online, no lugar deste DUA? Triste realidade!
  8. Via de regra, o webservice de consulta serve para consultar as notas que você emitiu, ao que me lembre não existe um webservice para consultar notas de terceiros, por mais que o primeiro permita que você consulta as notas de terceiros (quase sempre). O caminho mais correto é utilizar o webservice de notas destinadas (NfeConsultaDest) para ter este histórico
  9. Já sofro tanto atualizando o sistema para manter compatível com o que a receita quer, não me imagino tentando acompanhar o que ela não quer que façamos... Tem uma galera que, simplesmente, gosta de sofrer...
  10. Não existe nem um manual completo definido ainda...
  11. Concordo Juliomar, inclusive, já coagitei a possibilidade da empresa em que trabalho contratar o SAC, mais pelo apoio ao projeto do que pelo SAC propriamente dito. Infelizmente não aconteceu!
  12. Diogo, em primeiro lugar, como falei, estas alterações são para após 04/02/14, Outra coisa é que, ao que conheço da equipe do ACBr, coisas deste tipo SEMPRE é liberao para usuários não SAC até a data da obrigatoriedade, justamente para não deixar na mão os que dependem do ACBr.
  13. Ricardo, se já alterou, creio que ocorrerá algum erro, pois, ao que entendi, estas URL's serão utilizadas somente a partir do dia 04/02/2014, ou já estão em funcionamento?? Abraços.
  14. As mais de 27 mil empresas emissoras de Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) no Estado devem estar atentas a uma importante mudança na emissão dos documentos a partir do ano que vem: a Sefaz Virtual do Ambiente Nacional (SVAN) não será mais a autorizadora das notas dos contribuintes capixabas. As emissões de NF-e passarão a ser autorizadas pela Sefaz Virtual do Rio Grande do Sul (SVRS). A medida vale a partir do dia 4 de fevereiro de 2014. O auditor fiscal da Receita Estadual Deuber Luís Vescovi de Oliveira orienta os usuários do aplicativo emissor de NF-e gratuito (aquele baixado gratuitamente nos portais oficias do projeto NF-e) a realizar sua atualização - o próprio aplicativo irá solicitar tal medida. O procedimento que deve ser adotado pelos contribuintes é muito simples, basta realizar a atualização do aplicativo emissor de NF-e, na data citada, para fazer a conexão com os novos WebServices. Já aqueles que têm aplicativo próprio para a emissão do documento eletrônico deverão providenciar a mudança junto aos seus desenvolvedores, para a data citada. Seguem abaixo os novos endereços de comunicação a serem acessados pelo aplicativo emissor de NF-e, a partir de 4 de fevereiro. A comunicação correta (novos WebServices) ira garantir às empresas continuarem com a transmissão e autorização da NF-e. Endereços de Homologação (ambiente de teste): NfeRecepcao - https://homologacao.nfe.sefazvirtual.rs.gov.br/ws/Nferecepcao/NFeRecepcao2.asmx NfeRetRecepcao - https://homologacao.nfe.sefazvirtual.rs.gov.br/ws/NfeRetRecepcao/NfeRetRecepcao2.asmx NfeInutilizacao - https://homologacao.nfe.sefazvirtual.rs.gov.br/ws/nfeinutilizacao/nfeinutilizacao2.asmx NfeConsultaProtocolo - https://homologacao.nfe.sefazvirtual.rs.gov.br/ws/NfeConsulta/NfeConsulta2.asmx NfeStatusServico - https://homologacao.nfe.sefazvirtual.rs.gov.br/ws/NfeStatusServico/NfeStatusServico2.asmx RecepcaoEvento - https://homologacao.nfe.sefazvirtual.rs.gov.br/ws/recepcaoevento/recepcaoevento.asmx Endereços de PRODUÇÃO (ambiente com validade fiscal): NfeRecepcao - https://nfe.sefazvirtual.rs.gov.br/ws/Nferecepcao/NFeRecepcao2.asmx NfeRetRecepcao - https://nfe.sefazvirtual.rs.gov.br/ws/NfeRetRecepcao/NfeRetRecepcao2.asmx NfeInutilizacao - https://nfe.sefazvirtual.rs.gov.br/ws/nfeinutilizacao/nfeinutilizacao2.asmx NfeConsultaProtocolo - https://nfe.sefazvirtual.rs.gov.br/ws/NfeConsulta/NfeConsulta2.asmx NfeStatusServico - https://nfe.sefazvirtual.rs.gov.br/ws/NfeStatusServico/NfeStatusServico2.asmx RecepcaoEvento -https://nfe.sefazvirtual.rs.gov.br/ws/recepcaoevento/recepcaoevento.asmx O auditor fiscal ressalta que as empresas que não se adaptarem para a emissão de NF-e por meio da Sefaz Virtual do Rio Grande do Sul não conseguirão mais autorizá-las a partir da zero hora do dia 4 de fevereiro, havendo prejuízos na rotina e no faturamento dos estabelecimentos. Esclarece ainda que “não será necessário credenciar novamente a empresa, tampouco alterar a sequência de numeração da NF-e já utilizada. A mudança é apenas no autorizador da NF-e”, observa o auditor. Mais informações pelo e-mail [email protected] http://internet.sefaz.es.gov.br/informacoes/noticias.php?id=1646
×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.