Jump to content

marcelo.hp

Membros
  • Posts

    28
  • Joined

  • Last visited

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

marcelo.hp's Achievements

Contributor

Contributor (5/14)

  • First Post
  • Collaborator Rare
  • Conversation Starter
  • Week One Done
  • One Month Later

Recent Badges

4

Reputation

2

Community Answers

  1. Juliomar, obrigado pelo retorno. Cheguei neste link também durante as pesquisas. Ele trata do desenvolvimento do servidor RTD que será consumido pelo EXCEL. No meu caso, eu já tenho um servidor RTD de terceiros rodando local, preciso consumir em Delphi. Basicamente seria tirar o EXCEL da jogada.
  2. Tarde pessoal! Tenho um servidor RTD de terceiros rodando localmente, já sendo consumido por uma planilha EXCEL. A chamada no excel é RTD("rtdtrading.rtdserver";; "PETR4_B_0"; "ULT"). Eu preciso desenvolver um aplicativo que faça o consumo deste servidor RTD mas sinceramente não sei por onde começar. Utilizo Delphi Berlin Upd2. Se alguém tiver experiência neste tipo de aplicação e puder ajudar, agradeço. Se tiver algum custo, é só chamar no privado. Sucesso a todos.
  3. É isto mesmo @Italo Jurisato Junior, a NT prevê vários CIOT no grupo <infCIOT> mas a ANTT não deixa claro como deve ser feito operacionalmente. Pesquisando, localizei um site de direito tributário que trata do assunto com entendimento que o CIOT deve ser por operação, como não é um site oficial das instituições que participam do projeto, vou deixar o link apenas para compartilhar informação https://fva.adv.br/direito-tributario/novas-regras-da-antt-quanto-a-contratacao-de-fretes/ Se algum colega do grupo já concluiu ou está concluindo o desenvolvimento e puder agregar, agradeço. @Italo Jurisato Junior, obrigado.
  4. Bom dia pessoal. Ainda sobre carga fracionada (vários documentos de remetentes e destinatários diversos), a NT2020_001 esclarece que a obrigatoriedade da geração do CIOT é do embarcador, mas na prática sabemos que a transportadora é quem realizará este procedimento. Vocês entendem que deve ser gerado um CIOT para cada CT-e e todos vinculados ao MDF-e ou pode ser mantido o conceito atual, onde geramos um único CIOT que totaliza a carga do veículo e vinculamos ao MDF-e? Sinceramente, não ficou muito claro para mim. Obrigado.
  5. Boa tarde a todos! Preciso de um emissor de CT-e OS (pessoas, bagagem, etc) que esteja em conformidade com a legislação atual. Quem tiver o CT-e OS funcionando e tiver interesse na venda dos fontes, enviar e-mail para [email protected] Obrigado.
  6. Boa tarde Ítalo. Obrigado pelo retorno e esclarecimentos. Sempre são de grande ajuda. A minha preocupação são empresas com demanda razoável de serviço onde pode acontecer de enviar o RPS, cair o link da internet e não ser possível consultar se foi convertido em NFS-e. Conversei com o suporte do ISSNET sobre este assunto e eles disseram que poderia ser os dados do RPS ao tomador para que ele mesmo faça a consulta posterior. Como você trata esta situação Ítalo?
  7. Pessoal, boa noite! Tenho autorizado NFS-e com a propriedade "ConsultarLoteAposEnvio" marcada, então o componente faz a abstração da comunicação com o WS. Estou desenvolvendo o envio de RPS em lote. A impressão do RPS está disponível no componente? Se sim, qual método devo utilizar? Desde já, obrigado.
  8. Senhores, bom dia! Apenas para deixar registrado e encerrarmos este tópico. Depois que fiz o cadastro no ISSNET o erro de "Schema inválido" persistiu até que um dos atendentes me esclareceu que eles cobram para utilizarmos o ambiente de homologação. As duas primeiras atendentes não haviam me passado esta informação. A configuração do aplicativo de demonstração estava correta. Meu sistema já está emitindo NFS-e normalmente nos ambientes de homologação e produção. Italo, Juliomar, obrigado pela ajuda. Abraço a todos.
  9. Boa tarde Italo! Obrigado pelas orientações. Revisei as configurações e vou utilizar apenas a opção "Gerar e Enviar Lote RPS" que no DEMO faz a chamada ao método Enviar. Sobre o PathSchemas, se apontar para a pasta errada o DEMO não iria gerar erro informando que não localizou o arquivo ".xsd" correspondente? Neste caso, a mensagem gerada no DEMO informa que o schema é inválido. Devo estar errando em algum dado que é gerado no XML. Nos dados do tomador alterei CNPJ e Inscrição Municipal para serem válidos. Visualizando o XML do RPS não me parece faltar dados. Estou enviando o XML gerado e print da tela, talvez ajude na análise. 5118021476806900017456000000000000010-rps.xml
  10. Juliomar, obrigado pelo retorno. Antes de postar confirmei no arquivo "cidades.ini" que Cuiabá/MT é atendida pelo provedor ISSNET, então fui direto para o DEMO, fiz as configurações e tentei enviar. Depois do seu retorno entrei em contato com o provedor e recebi os manuais de integração. Acabei de ler o material na íntegra. O provedor possui, entre outros serviços, a "geração de NFS-e (síncrono)" e a "recepção de lote e processamento de RPS (assíncrono)". Entendi que são equivalentes aos métodos "ACBrNFSe1.Gerar(StrToInt(vNumRPS))" e "ACBrNFSe1.Enviar(vNumLote)". Como tentei realizar o envio e deu erro em todas as opções, estou entendendo que existe algo que configurei errado ou deixei de configurar.
  11. Pessoal, bom dia! Estou iniciando os estudos sobre NFS-e e vou começar com a cidade CUIABÁ/MT. Atendo o segmento de transporte e utilizo os componentes ACBrCTe e ACBrMDFe a algum tempo. Já li alguns posts iniciais do Ítalo. Fiz pesquisas no fórum sobre algumas dúvidas. Atualizei todos os fontes do projeto ontem pelo SVN. Abri o exemplo do ACBrNFSe, fiz a configuração do emitente, direcionei a pasta de schemas, direcionei a pasta de arquivos INI, etc. Quando tento enviar usando o botão "Gerar RPS": é mostrada a mensagem que o "Arquivo gerado em:" - apenas este texto. Quando tento enviar usando o botão "Gerar e enviar Lote RPS": é mostrada a mensagem "Falha na validação dos dados do lote 1" Erro: Schema inválido. Quando tento enviar usando o botão "Gerar e enviar um RPS": SoapAction não definido para: TNFSeGerarNFSe. Existe alguma informação adicional que preciso configurar no DEMO para enviar o RPS? Anexo XML do teste. Desde já, grato a todos. 5118021476806900017456000000000000001-rps.xml
  12. Pessoal, boa tarde! Alguém conseguiu resolver? Ainda estou aprendendo a trabalhar com FastReport, tentei de tudo mas sem sucesso por enquanto.
  13. Juliomar, bom dia! No primeiro post deu erro, por isto fiz novamente. Apesar do erro, publicou. De qualquer forma, grato pela liberação do post.
  14. Pessoal, bom dia! Sei que os componentes ACBr deixaram de utilizar o QuickReport. Optei por postar a dúvida aqui no fórum em função da quantidade de colegas desenvolvedores que participam. Possivelmente alguém já passou por experiência parecida. Tenho um sistema que utiliza QuickReport para impressão. Um cliente optou por hospedar o sistema na Amazon AWS. Orientei para que uma das VM's fosse dedicada ao SQL Server e a outra dedicada ao TS. O banco de dados ainda é pequeno, 4GB. Em processos mais pesados o aplicativo não chega a atingir 150mb de memória. O TS roda em média com apenas 30 conexões simultâneas no decorrer do dia. A velocidade nos procedimentos operacionais melhorou bastante. O único ponto que está complicando a minha vida é a lentidão na impressão dos relatórios. Quando o usuário clica para gerar o relatório, o procedimento de geração é rápido, mas o preview está bastante lento. Me lembro de ter lido em algum lugar que a formatação do preview no QuickReport depende diretamente da impressora padrão do computador. Me parece que a lentidão ocorre em função disto, a comunicação entre o Windows do TS e o Windows local para buscar as configurações da impressora padrão. Alguém já passou por problema semelhante?
  15. Pessoal, bom dia! Sei que os componentes ACBr deixaram de utilizar o QuickReport. Optei por postar a dúvida aqui no fórum em função da quantidade de colegas desenvolvedores que participam. Possivelmente alguém já passou por experiência parecida. Tenho um sistema que utiliza QuickReport para impressão. Um cliente optou por hospedar o sistema na Amazon AWS. Orientei para que uma das VM's fosse dedicada ao SQL Server e a outra dedicada ao TS. O banco de dados ainda é pequeno, 4GB. Em processos mais pesados o aplicativo não chega a atingir 150mb de memória. O TS roda em média com apenas 30 conexões simultâneas no decorrer do dia. A velocidade nos procedimentos operacionais melhorou bastante. O único ponto que está complicando a minha vida é a lentidão na impressão dos relatórios. Quando o usuário clica para gerar o relatório, o procedimento de geração é rápido, mas o preview está bastante lento. Me lembro de ter lido em algum lugar que a formatação do preview no quick report depende diretamente da impressora padrão do computador. Me parece que a lentidão ocorre em função disto, a comunicação entre o Windows do TS e o Windows local para buscar as configurações da impressora padrão. Alguém já passou por problema semelhante?
×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.