Jump to content
Notícias do ACBr

click.png

click.png

click.png

click.png

click.png

click.png

click.png

click.png

click.png

consultoria_sticker.png

Conteúdo para desenvolvedores
 ao vivo de terça a quinta!
Saiba mais

dev.png

logo_acbr_paygo.png

TEF ACBr PayGo
Seja um revendedor e ofereça uma solução completa para seu cliente.


botao.png

beneficios.png

Gabriel Bonzanini

Membros
  • Content Count

    125
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    1

Gabriel Bonzanini last won the day on May 22 2018

Gabriel Bonzanini had the most liked content!

Community Reputation

36 Excellent

1 Follower

About Gabriel Bonzanini

  • Rank
    Membro

Profile Information

  • Sexo
    Masculino
  • Location
    Caxias do Sul

Recent Profile Visitors

2,223 profile views
  1. Para a cidade de Bento Gonçalves/RS, ao consulta o lote através do método ConsultarLoteRps eu estava recebendo o erro 'List Index Out Of Bounds (0)', disparado na linha 1314 da unit ACBrNFSeWebServices.pas : Resolvi adicionando duas linhas de código, da seguinte forma: Se for útil para alguém, a unit está em anexo. Fico à disposição caso algum administrador queira simular o erro e precise de alguma informação. ACBrNFSeWebServices.pas
  2. Muito obrigado @BigWings, não tinha notado a existência deste diretório. Problema resolvido! Grande abraço!
  3. Olá @BigWings, muito obrigado pelo retorno. Puxa vida, pode ser isso mesmo... Não tenho nem o consCad_v2.00.xsd e nem o consCad_v4.00.xsd... Sabe onde posso obter as versões oficiais deles? Edit: os schemas que estou utilizando foram baixados de http://www.nfe.fazenda.gov.br/portal/listaConteudo.aspx?tipoConteudo=/fwLvLUSmU8= (primeiro pacote)
  4. Boa tarde pessoal. Nos últimos dias, notei que a consulta ao cadastro de contribuintes estava falhando ao retornar os dados, mesmo nos casos em que tinha certeza absoluta de que o CNPJ em questão possuía inscrição estadual na UF informada. O xml de retorno era o seguinte: <retConsCad xmlns="http://www.portalfiscal.inf.br/nfe" versao="2.00"> <infCons> <verAplic>RSb20180817100600</verAplic> <cStat>239</cStat> <xMotivo> Rejeicao: Cabecalho - Versao do arquivo XML nao suportada </xMotivo> <UF>RS</UF> <dhCons>2019-12-12T14:5
  5. Eu que agradeço @Italo Jurisato Junior ! É sempre um orgulho poder contribuir, mesmo que seja algo ínfimo.
  6. Bom dia pessoal! Gostaria de sugerir uma melhoria na propriedade 'Items' da classe 'TConhecimentos' (unit ACBrCTeConhecimentos), definindo a mesma como default. Assim, podemos chamar automaticamente ACBrCTe.Conhecimentos[x] ao invés de ACBrCTe.Conhecimentos.Items[x]. A funcionalidade já existe na classe TNotasFiscais (unit ACBrNFeNotasFiscais). Em anexo, a última versão da unit com a alteração já efetuada, caso entendam que a mesma é viável. Grato pela atenção. Forte abraço, Gabriel. ACBrCTeConhecimentos.pas
  7. Muito obrigado pelo retorno! Vou estudar e implementar o método alternativo mencionado neste outro tópico. Abraço e sucesso a todos.
  8. Olá pessoal. Perdão pelos posts em sequência, mas é que já faz algum tempo e gostaria de encerrar este assunto... Alguém que tenha participado do refactoring poderia dar um retorno a respeito da alteração em si? Grato pela atenção.
  9. Estamos criando uma lista fixa dos campos que podem ser alterados. Apenas para encerrar o tópico, e por curiosidade: algum dos programadores poderia comentar acerca das vantagens que motivaram a alteração da seção das propriedades (de published para public), removendo assim o RTTI das mesmas? Grato pela atenção.
  10. Olá @everson.turossi! Obrigado pelo retorno. Tem razão, geralmente a correção gira em torno de algumas poucas tags. Porém, sempre tem aquele cliente que deseja alterar/corrigir uma informação relacionada à valores, documentos vinculados, etc., e restringir a utilização destas informações significa uma ligação de suporte a menos... Sem contar que fica mais transparente ao usuário, que seguidamente apresenta aquela dúvida "Posso corrigir isto?" (se estiver na lista, pode). Em últimos casos, vou ter que fazer o caminho inverso, listando tudo o que pode ser corrigido "hard coded", com
  11. Aceito métodos alternativos... Como os colegas fazem para listar as tags para as quais a correção é permitida?
  12. Bom dia pessoal. Primeiramente, gostaria de elogiar o refactoring efetuado há alguns meses atrás, deixando o código-fonte dos documentos eletrônicos mais limpo, organizado e estruturado. Apesar de todas as melhorias, acabei tendo uma pequena perda a partir dele: em nossa tela de emissão de Carta de Correção Eletrônica p/ CT-e, eu havia implementado uma forma dinâmica de obter todas as propriedades que podem ser corrigidas em um CT-e através da seguinte fução RTTI: var PropList: PPropList; begin GetPropList(pcteCTe.TCTe.ClassInfo, PropList); ... Essa f
  13. Parece que o webservice não está suportando a demanda... Os erros estão muito frequentes, o que está me fazendo cogitar uma solução alternativa, mesmo que o xml baixado não tenha validade jurídica. O que importa é que os clientes consigam lançar as notas de entrada e compor seu estoque. Estou analisando o método empregado por esta ferramenta (caso não descubra, implementarei a integração com a API deles): https://lite.arquivei.com.br/
  14. Ah, detalhe importante: neste exato momento, a página antiga de consulta da Sefaz (https://www.nfe.fazenda.gov.br/portal/consultaResumoCompletaAntiga.aspx?tipoConsulta=completa&tipoConteudo=XbSeqxE8pl8=) que é utilizada como base para algumas ferramentas para "recortar" o html e transformá-lo em um xml, está fora do ar: Sites como Danfe Online (https://www.danfeonline.com.br/), Web Danfe (https://www.webdanfe.com.br/) e FSist (https://www.fsist.com.br/) deixam de funcionar nesta situação: Já o Arquivei (https://lite.arquivei.com.br/) permanece funcionando normalmente.
  15. Boa noite pessoal. Estou desenvolvendo um tratamento para os casos em que o serviço de distribuição de DF-e está fora do ar. Uma forma alternativa, para casos de exceção (que estão sendo bem recorrentes). Em minhas pesquisas, me deparei com este site, que pede apenas a chave de acesso e, a partir dela, efetua o download do arquivo: https://lite.arquivei.com.br/ A questão é: alguém tem ideia do método que possa estar sendo empregado por esta ferramenta? Ela não solicita certificado digital nem captcha, apenas a chave de acesso. E, segundo eles, o arquivo possui validade jurí
×
×
  • Create New...