Jump to content
Notícias do ACBr

logos

Texto.png

p200

logos

Texto.png

p200

click.png

click.png

click.png

click.png

click.png

click.png

click.png

click.png

click.png

Nota Fiscal Cancelada na Pasta


Go to solution Solved by Italo Giurizzato Junior,

Recommended Posts

  • Usuários SAC

Boa Tarde
Pessoal 

Quem puder me ajuda com uma duvida

Atualmente uso o acbr monitor plus

E Tem um cliente reclamando que o xml não atualiza quando é cancelado

Lembra que antes era assim se nao me engano

Ou tirava da pasta e montava uma pasta de cancelado ao assim

Vocês podem me ajudar

Link to post
Share on other sites
  • Solution

Boa tarde Robson,

O que vem a ser atualizado para o seu cliente?

Se ele se refere a troca do protocolo de autorização pelo de cancelamento, lhe pergunto.

Em qual Manual ou Nota Técnica ou Ajuste SINIEF que diz que ao cancelar uma NF-e devemos realizar essa troca?

Pois bem isso não esta escrito em lugar nenhum.

Nos primórdios da NF-e o componente até fazia isso pois não existia um documento com validade jurídica que comprovasse o cancelamento.

Mas hoje temos e é o evento de cancelamento.

Para que um XML (arquivo de computador) tenha validade jurídica perante ao Fisco, ele deve estar assinado digitalmente e com o protocolo retornado pela SEFAZ-Autorizadora que atesta que ela processou com sucesso o documento enviado.

Esse protocolo se tratando da NF-e é o protocolo de autorização, logo para o XML da NF-e ter validade jurídica ele precisa estar assinado e com o protocolo de autorização.

Ao solicitar o cancelamento de uma NF-e, no final de todo o processo temos um outro documento que é salvo em disco com o nome de: *-procEventoNFe.xml

Esse arquivo ele tem validade jurídica pois esta assinado digitalmente e contem o protocolo retornado da SEFAZ que atesta que o evento foi processado com sucesso e foi vinculado a NF-e.

Temos então 2 XML:

*-nfe.xml (XML da NF-e que deve estar assinado e com o protocolo de autorização)

*-procEventoNFe.xml (XML do evento que deve estar assinado e com o protocolo que atesta o vinculo do mesmo a nota).

Lembrando que existem diversos tipos de eventos e todos tem o mesmo nome o que muda é ID que compõe o nome que no caso do evento é formado pelo código do evento (6 dígitos) mais a chave da nota (44 dígitos) e o numero sequencial do evento (2 dígitos).

Os XML referente aos eventos são salvos separadamente em outras pastas.

 

Quem na verdade esta reclamando não é o seu cliente e sim o contador dele que deve utilizar um programa de escrita fiscal/contábil de mil novecentos e bolinha.

 

 

  • Haha 1
Consultor SAC ACBr Italo Giurizzato Junior
Ajude o Projeto ACBr crescer - Assine o SAC

Projeto ACBr

Analista de Sistemas / e-mail: [email protected] / Fone: (16) 9-9701-5030 / Araraquara-SP

Link to post
Share on other sites
×
×
  • Create New...