Jump to content

click.png

click.png

click.png

click.png

click.png

click.png

click.png click.png click.png

click.png

click.png

click.png

Seja-Profissional-Saiba-mais.png Beneficios_banner.png

 

PAF-ECF Arquivo auxiliar criptografado - ACbrAAC


cnbatalha
  • Este tópico foi criado há 2736 dias atrás.
  • Talvez seja melhor você criar um NOVO TÓPICO do que postar uma resposta aqui.

Recommended Posts

Bom dia amigos, homologamos o Sistema da empresa na última semana e tivemos dificuldade com o arquivo auxiliar gerado pelo componente ACBRAAC.

O componente gera uma string de todo conteúdo do arquivo criptografado, porém em um dos testes o homologar procura modificar o MD5 do arquivos que contém a lista dos arquivos do paf. Nao foi possível identificar a posição desta informaçao no arquivo auxiliar.

O homologador pediu que modificasse a geraçao arquivo para permitir alterar a informacao do MD5.

Para passar no teste tivemos q alterar o componente AcbrAAC.

________________

Carlos Nascimento

http://www.cnbatalha.com.br

Link to comment
Share on other sites

  • Consultores

Olá batalha,

Você pode detalhar melhor os problemas que o homologador encontrou e anexar os códigos que você alterou?

[]'s

Consultor SAC ACBr

Elton
Profissionalize o ACBr na sua empresa, conheça o ACBr Pro.

Projeto ACBr     Telefone:(15) 2105-0750 WhatsApp(15)99790-2976.

Um engenheiro de Controle de Qualidade(QA) entra num bar. Pede uma cerveja. Pede zero cervejas.
Pede 99999999 cervejas. Pede -1 cervejas. Pede um jacaré. Pede asdfdhklçkh.
Link to comment
Share on other sites

Ok,

O Problema encontrado pelo homologador era que, da forma que o arquivo foi criptografado não seria possível localizar a informação do MD5 e alterar essa informação, como é pedido em um dos testes. Neste teste o homologador tbm teria que modificar as informações Número de Série da ECF e Grande Total.

AcbrAAC_Homologado.zip

________________

Carlos Nascimento

http://www.cnbatalha.com.br

Link to comment
Share on other sites

  • Fundadores

Esse homologador está "inventando moda"... O Ato Cotepe não fala nada disso...

Criptografado = embaralhado... ou seja a ideia é realmente não dar a menor pista da informação oculta pela criptografia...

Não é aceito usar um programa para "abrir" o Arq.Auxiliar Cripotografado, e alterar a informação ? (Há um novo Demo para o ACBrAAC que permitiria isso)

Consultor SAC ACBr

Daniel Simões de Almeida
O melhor TEF, é com o Projeto ACBr - Clique e Conheça
Ajude o Projeto ACBr crescer - Assine o SAC

Projeto ACBr     Telefone:(15) 2105-0750 WhatsApp(15)99790-2976.

Link to comment
Share on other sites

Bem eu tbm achei q da forma q estava seria a melhor maneira, mas o homologar disse que precisaria modificar o valor do GT de acordo com o teste abaixo

TESTE 075: Acesso à tela de registro de venda com ECF não configurado no arquivo auxiliar.(Valor de

GT)

Passo 1: Altere o valor do GT, correspondente ao ECF em teste, no arquivo auxiliar criptografado.

Passo 2: Desligue o ECF e o microcomputador e ligue-os novamente.

Passo 3: Execute o programa aplicativo fiscal e aguarde até que sua inicialização seja completada.

Passo 4: Tente acessar a tela de registro de venda do programa aplicativo.

Passo 5 Observe o comportamento do programa aplicativo e se o acesso à tela de registro de venda foi

liberado, atentando para o fato de que o programa não poderá funcionar, exceto para as funções listadas

no item 6 do requisito XXII.

Condição para requisito atendido: Bloqueio de funcionamento de todas as funções do programa

aplicativo exceto as funções listadas no item 6 do requisito XXII.

Condição para requisito não atendido: Funcionamento normal das funções do programa aplicativo,

especialmente as funções de registros de vendas.

por isso precisei fazer as alterações.

________________

Carlos Nascimento

http://www.cnbatalha.com.br

Link to comment
Share on other sites

  • Fundadores

durante esse teste eu rodei o meu aplicativo "editor" do AAC (semelhante ao Demo do ACBr)...

Ou seja rodei ele com o PAF aberto, alterei pelo editor e salvei...

Consultor SAC ACBr

Daniel Simões de Almeida
O melhor TEF, é com o Projeto ACBr - Clique e Conheça
Ajude o Projeto ACBr crescer - Assine o SAC

Projeto ACBr     Telefone:(15) 2105-0750 WhatsApp(15)99790-2976.

Link to comment
Share on other sites

  • 5 weeks later...

Eu acho esses testes uma puta sacanagem...

Vou fazer um aplicativo só para o homologador mudar o GT ?

Pra mim isso deveria ser repensado (eu sei que não são vocês que fazem o roteiro :D )... se eles não conseguem fazer o teste era pra ser considerado feito ou então que os homologadores que se virassem pra fazer o teste.

É o que acho.

Ass. Vially Israel

Link to comment
Share on other sites

Eu acho esses testes uma puta sacanagem...

Vou fazer um aplicativo só para o homologador mudar o GT ?

Pra mim isso deveria ser repensado (eu sei que não são vocês que fazem o roteiro :D )... se eles não conseguem fazer o teste era pra ser considerado feito ou então que os homologadores que se virassem pra fazer o teste.

É o que acho.

Realmente, também tentei argumentar com o homologador mas não adiantou, em vez de fazer um programa para alterar o GT eu modifiquei o componente do acbr.

________________

Carlos Nascimento

http://www.cnbatalha.com.br

Link to comment
Share on other sites

  • 10 months later...
  • Consultores

Isso ainda é válido mesmo? ou seja temos que levar um "programinha" para decriptar o arquivo auxiliar?

A ideia não é decriptografar o Arquivo Auxiliar Criptografado (AAC), mas alterar o GT, o CRO e o Número de Série que ficam armazenados no AAC. E fazer isso um por vez.

Se você usar o ACBrAAC você pode usar o DEMO do ACBrAAC alterando a senha usada nele para a mesma que usou no seu programa.

Ou levar o programa que você usa para cadastrar o ECF no ACBrAAC.

[]'s

Consultor SAC ACBr

Elton
Profissionalize o ACBr na sua empresa, conheça o ACBr Pro.

Projeto ACBr     Telefone:(15) 2105-0750 WhatsApp(15)99790-2976.

Um engenheiro de Controle de Qualidade(QA) entra num bar. Pede uma cerveja. Pede zero cervejas.
Pede 99999999 cervejas. Pede -1 cervejas. Pede um jacaré. Pede asdfdhklçkh.
Link to comment
Share on other sites

  • 1 year later...
  • Consultores

Olha se o homologador tiver cabeça ele vai pedir pra você abrir no bloco de notas e apagar qualquer parte do arquivo e salvar, nada de frescuras de ficar fazendo programa a mais pra testar!

Consultor SAC ACBr Juliomar Marchetti
Ajude o Projeto ACBr crescer - Assine o SAC

Projeto ACBr

skype: juliomar
telegram: juliomar
http://www.juliomarmarchetti.com.br
Embarcadero MVP
Projeto ACBr - A maior comunidade Open Source de Automação Comercial do Brasil
Link to comment
Share on other sites

  • Consultores

Então ou usamos o demo ou fazemos um? qui sacanagem hein

Não entendi sua colocação. Sacanagem de quem?

[]'s

Consultor SAC ACBr

Elton
Profissionalize o ACBr na sua empresa, conheça o ACBr Pro.

Projeto ACBr     Telefone:(15) 2105-0750 WhatsApp(15)99790-2976.

Um engenheiro de Controle de Qualidade(QA) entra num bar. Pede uma cerveja. Pede zero cervejas.
Pede 99999999 cervejas. Pede -1 cervejas. Pede um jacaré. Pede asdfdhklçkh.
Link to comment
Share on other sites

  • 2 months later...

Eu tb tive que modificar meu arquivo criptografado quando homologuei. Não utilizava o AcbrAAC na ocasião.

O homologador fez eu escrever o meu arquivo criptografado com cada informação em uma linha e saltasse uma linha de uma p/ outra p/ q o arquivo ficasse "organizado".

Na ocasião, alterei o arquivo pq precisava homologar o sistema, mas não concordava com essa exigência DO HOMOLOGADOR. No roteiro não tem essa exigência. Tem?! Não havia lugar nenhum que obrigasse que o arquivo tivesse essa "organização" que ele nos exigiu.

Eu acredito que se o arquivo tivesse que estar "organizado" da maneira que o homologador queria, então o manual deveria vir com essa informação e não ser este, um "Teste surpresa". Deveria então ter um layout do Arquivo Criptografado.

 

Vcs concordam com esta exigência ?  O homologador tem este poder ?

Link to comment
Share on other sites

  • Consultores

Não. Ele não pode pedir isso.

Mas, como eu expliquei acima, ele iria te pedir para alterar o Grande Total e você precisa saber onde exatamente está o Grande Total no arquivo. Depois vai pedir para alterar o CRO e você precisa saber onde está o CRO para alterar para o valor que ele te disser. E depois fazer o mesmo com o Número de Série.

 

Se você não souber onde estão estes valores, você não tem como fazer o teste e daí, não pode passar. Por isso a necessidade de usar um programa diferente para alterar os valores.

  • Like 1

[]'s

Consultor SAC ACBr

Elton
Profissionalize o ACBr na sua empresa, conheça o ACBr Pro.

Projeto ACBr     Telefone:(15) 2105-0750 WhatsApp(15)99790-2976.

Um engenheiro de Controle de Qualidade(QA) entra num bar. Pede uma cerveja. Pede zero cervejas.
Pede 99999999 cervejas. Pede -1 cervejas. Pede um jacaré. Pede asdfdhklçkh.
Link to comment
Share on other sites

Se eu entendi bem sua explicação, sua idéia é alterar o GT e CRO, usando por exemplo, o mesmo programa que usamos para criar o arquivo criptografado.

Ai seria, entrar no programa...mudar o gt...e salva novamente o arquivo criptografado. 

 

Porém no nosso caso, o homologador não permitia isso. Ela queria que alteração fosse feita diretamente no arquivo criptografado.

Link to comment
Share on other sites

  • Consultores

Se eu entendi bem sua explicação, sua idéia é alterar o GT e CRO, usando por exemplo, o mesmo programa que usamos para criar o arquivo criptografado.

Ai seria, entrar no programa...mudar o gt...e salva novamente o arquivo criptografado. 

Não. Não me parece que você entendeu.

Você tem que mudar o gt por fora do PAF. Se vai fazer diretamente no arquivo ou por meio de um outro software aí já é com você. O caso é que tem que mudar por fora do PAF.

[]'s

Consultor SAC ACBr

Elton
Profissionalize o ACBr na sua empresa, conheça o ACBr Pro.

Projeto ACBr     Telefone:(15) 2105-0750 WhatsApp(15)99790-2976.

Um engenheiro de Controle de Qualidade(QA) entra num bar. Pede uma cerveja. Pede zero cervejas.
Pede 99999999 cervejas. Pede -1 cervejas. Pede um jacaré. Pede asdfdhklçkh.
Link to comment
Share on other sites

Eu sei que tem q alterar o GT por fora do PAF. Talvez eu não tenha me expressado bem.

O arquivo auxiliar criptografado, deve ser gerado por outro aplicativo, por exemplo, um Editor do AAC. Certo?!

O homologador, não aceita que eu mude GT e CRO utilizando o próprio editor do AAC. 

Ele queria que eu modificasse diretamente no arquivo criptografado.  Ele exigiu que eu abrisse o arquivo no bloco de notas e alterasse o arquivo diretamente por lá.

 

O procedimento dele está correto ?

Link to comment
Share on other sites

  • Consultores

Não. Não faz sentido algum. Por exemplo, se ele fizer esse pedido para alguns programadores que criptografam o arquivo inteiro, o arquivo vai corromper e será impossível ler o conteúdo de qualquer valor.

[]'s

Consultor SAC ACBr

Elton
Profissionalize o ACBr na sua empresa, conheça o ACBr Pro.

Projeto ACBr     Telefone:(15) 2105-0750 WhatsApp(15)99790-2976.

Um engenheiro de Controle de Qualidade(QA) entra num bar. Pede uma cerveja. Pede zero cervejas.
Pede 99999999 cervejas. Pede -1 cervejas. Pede um jacaré. Pede asdfdhklçkh.
Link to comment
Share on other sites

  • 5 months later...

Não sei se esse tópico ainda é visitado estava fazendo uma pesquisa sobre o componente AcbrAAC para gerar meu arquivo auxiliar e me deparei com esse questionamento. Anteriormente eu não utilizava o ACBR no meu PAF. Este ano resolvi usar este componente. Ai me deparei com o AcbrAAC que cria e gerencia o arquivo auxiliar. Essa informação que o homologador quer abrir o arquivo auxiliar no bloco de notas e ver você alterando é procedente. Também acho que se o arquivo é totalmente criptografado não teria como alguém alterá-lo de maneira coerente pelo bloco de notas e ja estaria dispensado do teste de alteração do arquivo ou simplesmente permitir que você alterasse por um exe separado mas os homologadores ainda teimam em fazer essa alteração no arquivo auxiliar pelo bloco de notas. É a primeira vez que irei homologar com o Acbr espero que não tenha nenhum problema quanto a isso.

Link to comment
Share on other sites

  • Consultores

Tiago,

   eu sugiro que você mande um e-mail explicando a situação agora e peça aos homologadores a explicação detalhada do que é esperado para este requisito específico. Peça para eles lhe informarem como vão testar e qual o resultado que eles esperam.

 

Por exemplo na minha última homologação 2.01 eles me deram duas opções.

   1) Quando o arquivo for alterado pelo bloco de notas e corrompido, recriar o arquivo todo;

   2) ao utilizar o seu próprio programa que enxerga o que está dentro do arquivo e alterar um número de série, recompor o número de série com base no BD;

 

  Foi de fácil implementação, mas eu não estava esperando por isso.

[]'s

Consultor SAC ACBr

Elton
Profissionalize o ACBr na sua empresa, conheça o ACBr Pro.

Projeto ACBr     Telefone:(15) 2105-0750 WhatsApp(15)99790-2976.

Um engenheiro de Controle de Qualidade(QA) entra num bar. Pede uma cerveja. Pede zero cervejas.
Pede 99999999 cervejas. Pede -1 cervejas. Pede um jacaré. Pede asdfdhklçkh.
Link to comment
Share on other sites

  • Moderadores

O teste é simples, primeiro eles corrompem o arquivo usando o bloco de notas, se é possível recompor eles testam isso, se não é possível eles verificam também.

O restante dos testes, normal, você abre com o seu gravador de arquivo auxiliar e modifica ele, salva e testa, todos os testes são feitos normalmente.

Equipe ACBr

Régys Borges da Silveira

http://www.regys.com.br

certificacao delphicertificacao delphi
Link to comment
Share on other sites

  • Este tópico foi criado há 2736 dias atrás.
  • Talvez seja melhor você criar um NOVO TÓPICO do que postar uma resposta aqui.

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.