Jump to content

Delphi Enterprise 
pela METADE DO PREÇO

botao_delphi.png

 

 

tp_550_logo.png Homologação ACBr Apresenta:
Nova  Impressora
TP-550

botao_saibamais.png

 

 

Curso Dominando o ACBrMonitor
Novo Módulo Soluções de Varejo
Assine o SAC ACBr em qualquer plano e tenha acesso

Saiba Mais

Balança SM100 performance surpreendente

Tecnologia Japonesa   Teclado e Visor resistentes a água
Consumo inteligente de etiquetas   Baixo custo de manutenção
Comunicação Ethernet e WIFI independentes

Saiba Mais

Impressora de Etiquetas ELGIN - L42 PRO

Protocolos PPLA, PPLB, ZPL, EPL (automático)
Porta USB padrão Opcionais: Ethernet, Serial, Paralela
Sensor de Etiquetas Móvel Garantia de 18 meses

Saiba mais

Leaderboard


Popular Content

Showing content with the highest reputation since 05/21/2020 in all areas

  1. 5 points
    Boa tarde pessoal. Muitos de você já devem estar sabendo da novidade mais recente da Embarcadero, o RadStudio 10.4 Sydney, e é claro a equipe ACBr garantiu todos os ajustes necessários para que o ACBr tenha compatibilidade com ela também. Por isso, se pretende iniciar o uso do Delphi Sidney, não se esqueça de também atualizar seus fontes, e bom código para todos Mas se você ainda não está por dentro de todas as novidades desta edição do Delphi, não se preocupe, a Embarcadero fará um webinar explicando tudo !! https://tsanthiago.wordpress.com/2020/05/25/webinar-rad-studio-10-4-sidney/ E claro, se decidir adquirir uma nova licença ou mesmo renovar sua assinatura de subscrição, conte conosco e obtenha benefícios exclusivos do Projeto ACBr. Saiba mais aqui. Att.
  2. 5 points
    Olá Pessoal, Foi publicada na data de hoje a NT 2020/002 que trata sobre o Imposto sobre produtos industrializados - IPI. Não se faz necessário nenhuma alteração no componente pois não ocorreu nenhuma alteração no layout do XML. Essa NT apenas esta consolidando informações das NT 2015/002 e NT 2016/001 e também a possibilidade de usar 3 novos códigos de Enquadramento. Sendo assim o campo <cEnq> poderá aceitar os novos códigos abaixo: cEnq Grupo CST Descrição Enquadramento Legal do IPI 163 Suspensão REPETRO-Industrialização Venda no mercado interno de matérias-primas, produtos intermediários e materiais de embalagem para serem utilizados integralmente no processo de industrialização de produto final destinado às atividades de exploração, de desenvolvimento e de produção de petróleo, de gás natural e de outros hidrocarbonetos fluidos à PJ habilitada no Repetro-Industrialização. - Instrução Normativa RFB nº 1901, de 17 de julho de 2019. 164 Suspensão REPETRO-SPED Venda dos produtos finais destinados às atividades de exploração, de desenvolvimento e de produção de petróleo, de gás natural e de outros hidrocarbonetos fluidos previstas na Lei nº 9.478, de 6 de agosto de 1997 , na Lei nº 12.276, de 30 de junho de 2010, e na Lei nº 12.351, de 22 de dezembro de 2010, por fabricantes desses, beneficiários do Repetro-Industrialização, quando diretamente adquiridos por pessoa jurídica habilitada no Repetro-Sped.- Instrução Normativa RFB nº 1901, de 17 de julho de 2019. 165 Suspensão O transportador com relação aos produtos tributados que transportar desacompanhados da documentação comprobatória de sua procedência; qualquer possuidor - com relação aos produtos tributados cuja posse mantiver para fins de venda ou industrialização; o industrial ou equiparado, mediante requerimento, nas operações anteriores, concomitantes ou posteriores às saídas que promover, nas hipóteses e condições estabelecidas pela Secretaria da Receita Federal, nos termos da IN RFB nº 1.081/2010. A partir do dia 30/05/2020 o ambiente de homologação vai passar a aceitar os novos códigos acima, já o ambiente de produção somente 11/06/2020.
  3. 4 points
    Lazarus pode ser usado para criar projetos sérios e profissionais... Mas a produtividade com Delphi realmente é maior... Preço não deve ser a única ou maior escolha... No meu caso a minha escolha por Lazarus foi devido a ele suportar Linux Desktop... (algo que Hoje o Delphi Enterprise também suporta) Se você pensa em usar Mobile com ObjectPascal, o Lazarus não ajudará muito...
  4. 3 points
    Boa Tarde, em parceria com o @brsamn, fizemos algumas alterações nos arquivos do ACBr para a geração do xml para envio e cancelamento pelo SITS, programa que o provedor Elotech usa para assinar e enviar suas notas, e foram feitos também as alterações necessárias para a leitura do retorno do envio e do cancelamento. Fizemos varios testes para envio e cancelamento para Carlópolis/PR e para Doutor Camargo/PR. Gostaríamos que fossem avaliados e se possível, que sejam colocados no repositório. Obrigado. ACBrNFSeNotasFiscais.pas pnfsNFSe.pas pnfsNFSeW.pas pnfsNFSeW_Elotech.pas pnfsCancNfseResposta.pas pnfsEnvLoteRpsResposta.pas
  5. 3 points
    Boa tarde Favor atualizar o SVN e rodar o instalador já está funcionando o ACBr com Delphi 10.4 Sydney
  6. 3 points
    Obrigado @Juliomar Marchetti Vou realizar a alTeração, já que para o IPM eles não retornam as informações no XML.
  7. 3 points
    Ainda estamos trabalhando nisso... @Juliomar Marchetti e @EMBarbosa estão com o caso...
  8. 3 points
  9. 3 points
    Emanuel, vou escrever o que eu entendo ... O PicPay foi criado para transações e-commerce desta forma a integração com sua API, traz estas 2 variaveis que você sitou acima porque? e para que elas servem? ACBrPicpay1.Lojista.URLCallBack, esta URL é passada para o PicPay pois assim que o mesmo detectar uma mudança de status na transação ele avisa a sua aplicação através desta url (ele faz um post em seu servidor/aplicação) (ele não avisa o status atual avisa apenas que a transação sofreu uma alteração de status) ACBrPicpay1.Lojista.URLReturn, esta segunda é para onde o cliente será redirecionado quando ele realizar o pagamento da transação via web todas 2 urls são obrigatórias, mas podem ser urls "invalidas" (no formato correto, mesmo sem existir) caso o seu uso seja apenas desktop como assim? você pode criar pagamentos, enviar para o PicPay, esquecer estes lá (o picpay comunica ao cliente via push notification, e email) ai depois para você saber se foi pago ou não você consulta o status deste pagamento, e se estiver tudo ok, você libera a transação vai ficar de forma manual? vai é o melhor uso? não o PicPay foi criado para isso? não mas podemos usar e integrar nossas aplicações desta forma mais eu queria deixar de forma automática, não tem como? tem sim basta você seguir a ideia do Thulio e criar (ter) servidor web para ficar fazendo o meio de campo (escutado as respostas do PicPay, e enviado para sua aplicação desktop as repostas através do Redis) é uma gambiarra? é, mas funciona
  10. 3 points
    Minha classe já esta validando as saídas 1200 e 1300, falta só a 1400 e 1500 agora.
  11. 3 points
    Hoje fiz uma nova instalação do meu sistema em um windows server 2016, e o acbrmail só passou a enviar os e-mails após instalar o VC_redist.x86 visual c++
  12. 3 points
    Consegui resolver obrigado, era realmente um erro de estrutura na tag IE.
  13. 3 points
    Olá. Faz algum tempo que não envio nenhuma contribuição então o post vai ficar um pouco grande . Essa semana fiz a homologação do provedor FintelISS na cidade de paracambi/RJ. O provedor segue abrasf 2.02. Para atender o layout foi necessário algumas modificações. Irei cita-las por arquivo modificado. Os arquivos .pas estão em anexo, exceto os INI pois podem estar mais recentes quando for validar. A exceção fica para o fintelISS.INI que é novo. Também adicionei os XSD do provedor para as cidades que tinha disponível. ACBrNFSeConfiguracoes.pas: - Linha 718: os arquivos XSD do provedor são exclusivos das cidades (targetNameSpace aponta para o endereço do webservice da cidade), ou seja, cada cidade terá o seu XSD. Para não ter de criar um INI do provedor para cada cidade, adicionei a substituição do valor %NomeURL_H% e %NomeURL_P% no Namespace do XML. Outros provedores poderão usar caso necessário. fintelISS.INI (novo): - atualmente 2 arquivos ini acompanham o exemplo, sendo um exclusivo para itatiba (fintelISS_itatiba) e outro para Ponta Grossa (fintelISS_PontaGrossa). Com o novo ini, não há necessidade de separar por cidade, ambos podem ser descartados. pnfsNFSeW_ABRASFv2.pas: - Linha 153: mantive o provedor neste IF, mas sem a verificação da versão 2.01, pois a 2.02 também solicita que o grupo seja "TomadorServico". - Linha 277: idem acima, fechamento do mesmo grupo. Desde que miguei para o trunk 2.0, um de nossos clientes em Vitória/ES começou a ter problemas com a assinatura digital, onde a mesma era dada como inválida quando utilizado a biblioteca xsLibXml2 para assinatura. O mesmo não ocorria com o Capicom. Depois de vários testes junto do validador da receita federal, descobri que a xsLibXml2 tem problemas em lidar com a assinatura de um XML onde a tag que contem a URI não era única. No caso de Vitória, a uri ficava na tag <rps>, a qual aparece duas vezes no XML e gera os problemas na assinatura. Para sanar o caso, mudei a URI para outra tag do XML: <InfDeclaracaoPrestacaoServico> - Linha 768: Adicionado o provedor proVitoria ao IF. - Linha 807: Adicionado o provedor proVitoria ao IF. ISSDigital.ini: - Adicionado a url para o município de pará de minas [URL_P] ;Para de Minas/MG RecepcaoLoteRPS_3147105=https://parademinas.quasar.srv.br:8444/nfe/snissdigitalsvc?wsdl [URL_H] ;Para de Minas/MG RecepcaoLoteRPS_3147105=https://parademinas.quasar.srv.br:8444/nfe/snissdigitalsvc?wsdl Pronim.ini - Adicionado a url de Catanduva/SP - Alterado a url de Assis Chateaubriand/PR (somente produção. Na epoca não me foi passado a url de homologação). [URL_P] ; Catanduva/SP RecepcaoLoteRPS_3511102=http://nfse.catanduva.sp.gov.br/NFSEWS/Services.svc ; Assis Chateaubriand/PR RecepcaoLoteRPS_4102000=http://177.66.110.164:8184/nfse.portal.integracao/Services.svc [URL_H] ; Catanduva/SP RecepcaoLoteRPS_3511102=http://nfse.catanduva.sp.gov.br/NFSEWSTESTE/Services.svc WebISS.ini - Adicionado a url de Aracaju/SE [URL_H] RecepcaoLoteRPS_2800308=https://%NomeURL_P%.webiss.com.br/servicos/wsnfse/nfseServices.svc [URL_P] RecepcaoLoteRPS_2800308=https://%NomeURL_H%.webiss.com.br/servicos/wsnfse_homolog/nfseServices.svc Cidades.INI - Atualização do provedor de algumas cidades. Como modifiquei o ini do fintelISS, já revisei as cidades que constavam no ini. As que saíram do provedor fintelISS não fui atrás das novas configurações. Itatiba permanece, então adicionei as urls necessárias. [3147105] Nome=Para de Minas UF=MG Provedor=GINFES -> Mudou para ISSDigital [4113205] Nome=Lapa UF=PR Provedor=fintelISS -> Mudou para IPM [4119905] Nome=Ponta Grossa UF=PR Provedor=fintelISS -> Mudou para ELOTECH [4103107] Nome=Bocaiuva do Sul UF=PR Provedor=fintelISS -> Mudou para GovBR [3523404] Nome=Itatiba UF=SP Provedor=fintelISS NomeURL_H=https://iss.itatiba.sp.gov.br NomeURL_P=https://iss.itatiba.sp.gov.br - Novas cidades adicionadas [3303609] Nome=Paracambi UF=RJ Provedor=fintelISS NomeURL_H=https://iss.paracambi.rj.gov.br NomeURL_P=https://iss.paracambi.rj.gov.br [2708006] Nome=Santana do Ipanema UF=AL Provedor=DBSeller NomeURL_H=https://santanadoipanema.nfse.srv.br NomeURL_P=https://santanadoipanema.nfse.srv.br Por fim, uma dúvida: a consulta de NFSE por RPS (ConsultarNFSeporRps) exige que os RPS estejam carregadas no componente (ACBrNFSe.pas, linha 550), sendo que para realizar a consulta, somente o protocolo é o suficiente para o componente. Sabe me dizer se esta validação tem algum propósito especial? Estou pensando em remove-la permanente ou parametrizar no componente. Hoje em meu repositório local ela está desativada e as consultas ocorrem normalmente. ACBR - TRUNK2.zip
  14. 3 points
    Bom dia. ele está junto do pacote ACBrTEFD, então basta rodar o instalador e será criado um novo componente em sua paletta.
  15. 3 points
    Boa tarde, Só para informar que aqui também funcionou, coloquei TLS12, e foi feito as atualizações do windows conforme o artigo que passou.
  16. 3 points
    Sefaz suspende exigência do CEST em documentos fiscais A Secretaria de Fazenda (Sefaz) suspendeu o início da exigência do Código Especificador da Substituição Tributária (CEST) nas notas fiscais Eletrônica (NFe) e de Consumidor Eletrônica (NFCe). A obrigatoriedade da informação do CEST nos documentos fiscais estava prevista para vigorar a partir do dia 1º de junho de 2020. A medida foi adotada devido ao momento vivido no país com a pandemia do novo coronavírus – Covid-19, conforme orientação da Coordenação Nacional do Encontro Nacional dos Administradores Tributários – ENCAT. Segundo a Coordenação, a validação do CEST será implementada futuramente. A aplicação da regra da validação do CEST consta na Nota Técnica 2015/003 versão 1.94. O Código foi instituído no Convênio ICMS 92/2015 e deve ser informado utilizando o NCM/SH. Essa Noticia foi extraída do site da SEFAZ-MT.
  17. 3 points
    Desde a versão 4.00 não existe mais duplicatas na NFe, o grupo agora é denominado "Parcelas". Você pode informar em informações complementares se desejar.
  18. 2 points
    Limpei os fontes Acbr. E instalei no Delphi 10.3 tudo funcionando como antes. No Delphi 10.4 funciona acbr com FortesReport Com o fastreport não pude testar porque a versão do Fastreport ainda não foi liberada, e a versão que esta no Getit não funciona no 10.4 mesmo assim vlw ps. mesma maquina delphi 10.3 e 10.4 ( espero que não de conflito)
  19. 2 points
    O que quis dizer é que se o usuário ainda quiser que a quantidade, valor unitário, etc seja mostrado no DANFSE, pelo que vi no fonte não tem esse tratamento. Minha ideia pra esse caso em que o provedor devolve uma estrutura de itens como texto no campo de discriminação dos serviços é que isso seja feito no componente ACBrNFSe, na leitura do XML, populando os itens da nota conforme já existe no componente. Na impressão do DANFSE bastaria marcar a propriedade DetalharServico (hoje ela existe apenas no DANFSe em Fortes).
  20. 2 points
    Bom dia José, Para agilizar o meu lado implementei a leitura do retorno na Classe UnicredES, mas, para tentar esclarecer esta confusão de leiautes entrei em contato agora a pouco com o pessoal da Unicred daqui da região, os quais me encaminharam o leiaute para homologação, e então me solicitaram que enviasse esse que vc. disponibilizou como sendo o que está implementado e ficaram de verificar e dar retorno. Solicitei inclusive que confirmem se o leiaute que me passaram é para ser o novo padrão ou não, inclusive, pelo que vi em posts mais antigos este leiaute que me passaram a princípio bate com o que o Alan Petry disse já ter homologado, provavelmente ele tenha feito os ajustes necessários. Só gostaria de observar que este leiaute que vc. disponibilizou parece não bater totalmente com o que está implementado na classe TACBrBancoClass na rotina DefinePosicaoNossoNumeroRetorno400() a qual retorna a posição do nosso número como sendo 71 e no seu leiaute(pág. 63) vem na 127... algo não fecha. Tão logo tenha retorno da Unicred, posto aqui. Grato
  21. 2 points
    Bom dia Maiquel, Assim que você tiver uma lista das cidades que necessitam da assinatura e das que não necessitam, por favor crie uma postagem e coloque essa lista. Pois estou trabalhando no Refactoring do componente ACBrNFSe e vai ser possível contornar esse problema com nova versão do componente.
  22. 2 points
    Sérgio, dá uma conferida também no código e id do CSC. Já tive este problema aqui e era o id do CSC homologação que estava errado. Abs.
  23. 2 points
    Olha espero que não esteja violando alguma regra, vou postar um vídeo aqui, onde faço a instalação do lazarus e configuração para abrir em uma só janela https://youtu.be/MYf11IZ6920
  24. 2 points
    Boa noite pessoal. Ia escrever no outro post, mas sugestão do forum criar um novo. Se possível atualizarem o fiorilli.ini da cidade de Pirajuí pois mudaram o servidor de la: Servidor novo mudou apenas o final do IP, agora é 131: http://189.57.88.131:3392/IssWeb-ejb/IssWebWS/IssWebWS?wsdl Já estado e funcionando em nossa aplicação. Se puderem atualizar para os próximos updates dos provedores agradeço. Ótima semana e fim de semana a todos André
  25. 2 points
    Nilton, Já foi feito a correção, agora é só esperar o pessoal liberar uma nova versão do Monitor.
  26. 2 points
    certo estarei verificando isso. e se possivel irei contribuir sim
  27. 2 points
    Boa noite. Consegui resolver o problema. Nos meus clientes eles usavam certificado digital da Valid. Este link me ajudou a resolver o problema. http://helpdesk.delphosautomacao.com.br/item.aspx?id=581. Espero ter ajudado.
  28. 2 points
    Boa tarde. Encontrei um problema ao exportar NFS-e para PDF. O componente não estava conseguindo montar o nome do arquivo quando não informado. Método "TACBrNFSeDANFSeFR.ImprimirDANFSePDF(NFSe: TNFSe);" Bastou retirar o WITH que o problema resolveu. (O delphi estava se perdendo entre o parâmetro do método e o WITH - NFSe). Segue unit corrigida. Atenciosamente. ACBrNFSeDANFSeFR.pas
  29. 2 points
    Bom dia Juliomar, Em teoria não há nada específico nesse provedor, ele já funcionava muito bem antes (GovDigital) e houve alteração apenas da url. Pelo menos para mim apresentou problemas somente após atualização dos componentes e o pior é que a versão que estava rodando era provavelmente bem antiga, coisa de 1 ano atrás pois fazia tempo que não mexia no sistema. Eu acredito que tenho a versão anterior do ACBr e vou fazer um compare com a versão atual para investigar o que tanto mudou (mas acredito ser muita coisa pelo tempo) o que dificultará a análise. Também vou pegar o exe antigo do sistema e mudar só a url no arquivo .ini e ver se ainda consigo conectar, caso positivo provavelmente houve alguma alteração no componente que impactou. Vou postando os avanços aqui. Obrigado
  30. 2 points
    Bom dia Osvailton Não possui a configuração ainda para o campo quantidade. como eu já estava mexendo com ele logo estará disponível
  31. 2 points
    Agora sim entendi... existe o codigoMora e codigoMoraJuros. Valeu. Desculpa o trabalho....
  32. 2 points
    Boa tarde! Após entrar em contato com o SEFAZ-PR algumas vezes corrigiram o problema no Ambiente de Produção. Agora retornam todos os eventos relacionados ao CTe. Pode encerrar o tópico.
  33. 2 points
    Fiz a atualização do ACBr e o problema foi resolvido. Foi transmitido com sucesso. Muito obrigado pela ajuda pessoal. Obrigado BigWings, valeu.
  34. 2 points
    Obrigado pela analise e correção... Realmente analisando os Links abaixo, notei que a diretiva CPU64 não é oficialmente reconhecida pelo Delphi... http://docwiki.embarcadero.com/RADStudio/Rio/en/Conditional_compilation_(Delphi) https://wiki.lazarus.freepascal.org/Platform_defines Fiz uma revisão em todos os fontes, e substitui elas por WIN64 ou CPUX64, conforme a necessidade de compilação em Linux... Commit [r19957]
  35. 2 points
  36. 2 points
    Realmente tinha um erro no programa exemplo, nessa rotina. Enviei correção para o repositório, rev. 19955. Favor atualizar os fontes e testar novamente.
  37. 2 points
    Aqui sempre vai ler o mesmo arquivo. Use: ACBrSAT1.CFe.LoadFromFile(OpenDialog1.Files[a]); A linha abaixo também vai te gerar um erro de index out of bounds.
  38. 2 points
    Bom dia! Tem vários erros. O Manual recomenda a não formatar o XML Exemplo: <cNF>00000001</cNF><natOp>Venda</natOp><mod>55</mod> E não: Não permite espaços entre as tags. Suas tags estão com espaços: A chave deve ter 44 dígitos: a sua parece que tem apenas 42. Salvo se contei errado: Parece que é a série: Na chave precisa estar 001 ali parece que vc colocou 1 e suprimiu os dois 00.
  39. 2 points
    No programa exemplo do componente ACBrNFe tem exemplo de como obter as informações do certificado.
  40. 2 points
    Eu vou conferir com o pessoal da SigIss e tendo alguma alteração eu posto aqui no forum. Obrigado.
  41. 2 points
    @Daniel Simoes, achei o problema. Na unit ssl_openssl_lib tem um array com os nomes das DLL's, e ela tem uma diretiva CPU64, mas o correto é WIN64. Devido a esse problema, ao buscar os nomes das DLL's, ele sempre trazia o nome da lib de 32 bit's, e nunca a de 64. Efetuei a mudança, recompilei o projeto e funcionou. Segue a unit alterada. Atenciosamente.ssl_openssl_lib.pas
  42. 2 points
    Voce precisa salvar no seu banco de dados o nosso numero sem formatar, o do acbr, é formatado, e como falaram ali para cima, ele sempre formata novamente. Logo, os dados que precisam entrar no acbrboleto, tem que ser como se estivesse fazendo a 1a impressão. Não sei vai ajudar, mas eu resolvi esse problema criando os campos tudo separado. Figura:
  43. 2 points
    Eu concordo com o Daniel. Eu te explico onde você vai perder um pouco a produtividade, na hora do debug. O debug do Lazarus é mais complicado do que o do Delphi. Não que ele seja impossível de se mexer, ele tem até algumas coisas interessantes, mas te toma mais tempo.
  44. 2 points
    Encontramos a noticia, de fato foi prorrogado Att.
  45. 2 points
    Vou fechar o tópico pois já desvirtuou do assunto inicial.
  46. 2 points
    O número da parcela deve ser sequencial com 3 dígitos: O correto é:
  47. 2 points
    Show meu amigo pela resposta, ainda mais pela rapidez, um ótimo dia e um bom trabalho!
  48. 2 points
    Olá Pessoal, Novidades para quem tem aplicações que emitem o CT-e Conhecimento de Transporte Eletrônico. Trata-se de uma nova modalidade de documento o GTV-e (Guia de Transporte de Valores Eletrônico) modelo 64. O GTV-e será emitido por contribuintes que possuírem credenciamento para a emissão do CT-e OS Conhecimento de Transporte Eletrônico Outros Serviços. Alterações no layout do CT-e OS no que diz respeito ao Transporte de Valores: Apesar da NT 2020/001 que trata sobre o GTV-e não deixar claro, o que tudo indica é que após a emissão do GTV-e se faz necessário a emissão de um CT-e OS de Transporte de Valores. Visto que o layout do CT-e OS foi alterado, agora ele vai conter um grupo com "N" ocorrências chamado: infGTVe (Grupo de informações da GTVe relacionadas ao CT-e OS de Transporte de valores). Portanto a empresa poderá emitir vários GTV-e e depois informa-los todos em um único CT-e OS de Transporte de Valores. Alterações no layout do CT-e OS no que diz respeito ao Excesso de Bagagem: Uma outra alteração no layout do CT-e OS é a inclusão da tag chBPe no grupo infDocRef, com isso esse grupo ou vai conter a chave do BPe ou os dados do documento referenciado. É sabido que existe o CT-e OS de Excesso de Bagagem e que agora vamos passar a ter o Evento de Excesso de Bagagem para o BP-e Bilhete de Passagem Eletrônico. Caso a Empresa emita um BP-e e depois um evento de Excesso de Bagagem, poderá emitir um CT-e OS de Excesso de Bagagem e referenciar a chave do BP-e no grupo infDocRef. Observações: O layout do GTV-e é bem simples e não possui o grupo de impostos como ICMS, dai a necessidade de emitir depois o CT-e OS de Transporte de Valores. Ainda não foi publicado uma NT com o layout do Documento Auxiliar do GTV-e. A Nota técnica já se encontra em nossa biblioteca, clique aqui para baixar. Prazos para implantação do GTV-e: 08/2020 - Ambiente de Homologação. 09/2020 - Ambiente de Produção. Já estamos trabalhando nas alterações necessárias no componente ACBrCTe para que ele venha permitir o envio do GTV-e.
  49. 2 points
    Boa tarde, iniciei os estudos para implementar a emissão do MDF-e, e uma das regras que mais me chamou atenção foi sobre as informações do percurso do manifesto, nas viagens intermunicipais. Gostaria de compartilhar um pequeno projeto desenvolvido em Lazarus, (meu objetivo é montar um cadastro de percursos, a fim de evitar a rejeição de "Percurso inválido") considerando as seguintes validações verificadas na documentação do MDF-e: Validações SEM percurso: 1) UF ini e UF fim são iguais -> não deve selecionar nenhuma UF de percurso 2) UF ini e UF fim são diferentes e fazem divisa -> não deve selecionar nenhuma UF de percurso Validações COM percurso: 3) nem UF ini nem UF fim devem estar selecionadas no percurso. 4) a primeira UF da lista deve fazer divisa com a UF inicial (carregamento) 5) entre as UF selecionadas, cada UF deve fazer divisa com a UF seguinte, na ordem de cima para baixo. 6) a ultima UF da lista deve fazer divisa com a UF final (descarregamento) Basicamente, foi montada uma classe TUF (uufclass.pas), onde para cada objeto de UF criado, ele cria num vetor a lista das outras UF que fazem divisa com esta. Também tem um Form mostrando como o usuário informaria as UF inicial e final, assim como selecionar (TCheckListBox) as UFs do percurso. Também é possível ordenar as UFs (TListBox). Por último, foi feito uma "perfumaria", desenhando o percurso selecionado, no mapa do Brasil (TImage). Espero que seja útil, qualquer sugestão é bem vinda. Att Ricardo valida_percurso_lazarus.zip
  50. 1 point
    Você pode tentar algo assim: var Versao: Double; URL, Servico, SoapAction: String; begin ACBrNFe1.LerServicoDeParams(LayNfeRecepcao, Versao, URL, Servico, SoapAction); ShowMessage(URL);
×
×
  • Create New...